Ministério Internacional de Mães Unidas em Oração

Ministério Internacional de Mães Unidas em Oração
O Ministério Moms In Prayer International, anteriormente conhecido como Moms In Touch / Mães em Contato, chama-se, atualmente, Mães Unidas em Oração no Brasil. Começou em 1984, em Bristish Columbia, Canadá com Fern Nichols. Atualmente o Ministério está em quase 150 países. É um ministério de oração em favor dos nossos filhos (biológicos, adotivos e espirituais), os colegas deles, suas escolas, professores e diretores para que sejam guiados por altos valores bíblicos e morais e, assim, cobrir todas as escolas do mundo com uma rede de proteção espiritual através da oração. A base do Ministério são as escolas de nossos filhos. (Educação Infantil até a Universidade)

domingo, 15 de outubro de 2017

HOJE É 15 DE OUTUBRO - DIA DO PROFESSOR!

NOSSA JORNADA NACIONAL DE ORAÇÃO PELO DIA DO PROFESSOR, TERMINA HOJE, ÀS 22H

Dediquemos nossas orações hoje a estes "construtores de pessoas" que estão quase todos os dias com nossos filhos dedicando seus esforços para que sejam bons cidadãos.

domingo, 1 de outubro de 2017

EU ERA FELIZ E NÃO SABIA...

“O que passo a relatar agora é o agir de Deus em minha vida e na vida de meu esposo. Fomos criados na igreja e, com 19 anos me casei. Fomos morar em São Paulo. Meu esposo, após cursar a faculdade de medicina, sentiu o chamado para o ministério da palavra. Fez o seminário e foi consagrado pastor. Sabia da responsabilidade que tinha como esposa. Temos cinco filhos: Ana Clara, Ana Maria, André, Ana Júlia e Ana Sofia.

sábado, 30 de setembro de 2017

CALENDÁRIO NACIONAL DE ORAÇÃO - BRASIL - MÊS DE OUTUBRO DE 2017


É maravilhoso fazer parte de Moms In Prayer International / Mães Unidas em Oração no Brasil e conhecer o extraordinário Programa de Oração Mundial em PGOs - Pequenos Grupos de Oração, que Deus deu a uma mãe: Fern Nichols, em 1984, no Canadá, e que já está em quase 150 países... Um Ministério que durante anos tem sido referência na vida de milhões de mães ao redor do mundo!

Louvamos a Deus por mais um mês de oração pela vida de nossos filhos e escolas...


Agradecemos a vocês Mães Unidas em Oração que enviam seus pedidos e, através deles podemos elaborar o Calendário Nacional de Oração que tem norteado cada mãe no sem momento no seu A Sós com Deus!

UM JUGO DESIGUAL

"Sou mãe de 2 filhas casadas felizes e abençoadas, mas nem sempre foi assim...

Suzana, minha filha mais velha se envolveu em um relacionamento com um rapaz de uma família que não temia a Deus (Jugo desigual)..

MINHA VIDA MUDOU

“Prezada irmã Jane Esther...

Agradeço a Deus pela sua vida, pela sua ajuda e também por “Mães Unidas em Oração” ter mudado o foco da minha vida com relação à oração! Eu não ligava muito para orar. Não entendia o que era “Crer no Poder da Oração” e muito menos que a “Nossa arma é a oração”!

NEM TUDO QUE RELUZ É OURO

“Prezada irmã Jane Esther,

Antes de escrever este testemunho, fiquei pensando se realmente deveria fazê-lo, mas, uma noite, depois de ficar sem dormir, pensando em minha família e em tudo que aconteceu, Deus falou ao meu coração, e, então resolvi escrever para a irmã, abrindo o meu coração e autorizando esta publicação, sendo que não gostaria que o que está grifado em vermelho, fosse publicado. Conto com a sua compreensão.

QUANDO OS FILHOS ESTÃO NA REDOMA DE ORAÇÃO


“Querida irmã Jane Esther,

Ainda não tive o privilégio de conhecê-la pessoalmente, apenas a vejo no sábado, às 8h da manhã, na TV Brasil, no Programa REENCONTRO.

Moro em Barueri, SP. Sou membro da Igreja Presbiteriana do Brasil, e estou no Ministério de Mães Unidas em Oração um pouco antes de ter o meu filho caçula hoje com quatro anos. Minha filha mais velha tem 10 anos, a do meio, 6 anos. Eu e meu esposo somos médicos e trabalhamos em um grande hospital aqui em São Paulo.

segunda-feira, 25 de setembro de 2017

COMO TUDO COMEÇOU NO MUNDO...

No outono de 1984, quando morávamos em Abbotsford, British Columbia, Canadá, meus dois filhos mais velhos estavam começando a sua adolescência e entrando no Ensino Fundamental. Meu coração pesava só de pensar no mundo novo e estranho que eles iriam enfrentar. Sem dúvida, o teste mais difícil seria resistir à imoralidade, à linguagem vulgar e à influência negativa de seus colegas. Com todo o meu coração, pedi ao Senhor que protegesse os meus filhos, dando-lhes discernimento para distinguir entre o bem e o mal e sabedoria para escolher acertadamente.

quarta-feira, 20 de setembro de 2017

ORAÇÃO PARA MÃES QUE DESEJAM FILHOS

Você tem o direito de crer em Deus para qualquer coisa que Ele prometeu em Sua Palavra. A Palavra diz em Salmos 127: 3: "Eis que os filhos são herança do Senhor, e o fruto do ventre o seu galardão." Salmo 84:11 diz: "... nenhum bem sonega aos que andam na retidão. "Além disso, Salmo 113: 9 diz:" Ele faz a mulher estéril habite em família, e seja alegre mãe de filhos. "Êxodo 23:26 na Bíblia afirma:" Nada deve perder o jovem por aborto, nem estéril em sua terra ... ".


ORANDO NAS ESCRITURAS

Existe uma conexão diretamente proporcional entre o quanto as nossas mentes estão moldadas pelas Escrituras e o quanto as nossas orações são respondidas. Jesus disse:"Se vós estiverdes em mim, e as minhas palavras estiverem em vós, pedireis tudo o que quiserdes, e vos será feito". (João 15:7).
“Se pedirmos alguma coisa, segundo a sua vontade, ele nos ouve". (1 João 5:14).

sexta-feira, 15 de setembro de 2017

TERCEIRO DOMINGO DE SETEMBRO - DIA MUNDIAL DE ORAÇÃO PELAS ESCOLAS



No terceiro domingo de Setembro, dia 17, estaremos celebrando o DIA MUNDIAL DE ORAÇÃO PELAS ESCOLAS. Será uma tremenda oportunidade para compartilharmos o que Deus fez, está fazendo e fará em todas as Escolas (Educação Infantil a Universidade) em todo o mundo.

domingo, 10 de setembro de 2017

DEUS ESTÁ CUIDANDO DE TUDO


"Irmãs, a Paz do Senhor.
Quero agradecer a todas as Mães Unidas em Oração pelas orações feitas em favor de meus dois filhos,na Rede Mundial de Oração, pois Deus está fazendo grandes mudanças em minha vida.

Me unir à vocês foi a melhor coisa que eu fiz, claro com direção de Deus e Jesus e o Espírito Santo, porque só eles mesmo para ter me guiado tão perfeitamente na direção certa.

TESTEMUNHO DE FERN NICHOLS

Gostaria de dizer-lhes como Deus marcou a minha vida através da oração. Certa ocasião, ao ser convidada para falar à um retiro espiritual de senhoras, fui obrigada a fazer uma avaliação séria da minha própria vida de oração. Ouvir algumas fitas de estudos bíblicos sobre oração, do Pastor Ron Dunn e a leitura de livros inspirativos, me ajudaram muito. Contudo, meu coração me dizia que nenhuma dessas preciosidades substituiria o tempo de oração que eu deveria passar aos pés do Senhor.

UM JUGO DESIGUAL


"Sou mãe de 2 filhas casadas felizes e abençoadas, mas nem sempre foi assim...

Suzana, minha filha mais velha se envolveu em um relacionamento com um rapaz de uma família que não temia a Deus (Jugo desigual)..

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

O ESPÍRITO SANTO INCOMODA

Uma das regras básicas de MIPI - Moms In Prayer International / Mães Unidas em Oração é a seguinte: se uma mãe desejar convidar outra mãe para participar do Ministério de Oração e a mãe convidada der alguma desculpa para não fazer parte, jamais a mãe que convida deve insistir, apenas orar e entregar para Deus. 

Foi assim que aconteceu com nossa Coordenadora Nacional, Jane Esther, quando ela narrou esta experiência em um dos treinamentos do Ministério.


Ela disse que foi compartilhar o Ministério para uma mãe, membro de uma igreja e líder da mesma. Depois de explicar detalhes de como funciona... que oramos todos os dias de 3 a 7 minutos pelos nossos filhos e a escola que adotamos... que formamos um PGO - Pequeno Grupo de Oração de 2, 3 ou até 4 mães para orarmos 1 hora por semana, onde acharmos melhor...etc...


A mãe olhou para a ela e disse: "- Eu tenho uma agenda diária muito cheia, compromissos com atividades na igreja, esposo, trabalho, filhos para cuidar e não posso assumir um compromisso para orar de 3 a 7 minutos e muito menos separar 1 hora por semana para isto. Tenho muitas coisas para fazer....

Naquele momento a irmã Jane Esther olhou para ela e disse: "-Tudo bem minha irmã, não se preocupe. Eu sei o que é ter uma agenda cheia de compromissos. Eu entendo perfeitamente. Fique a vontade..."


Após sair de perto dela a irmã Jane Esther falou com Deus: "- Senhor como pode uma mãe com 3 filhos adolescentes, vivendo nestes dias tão difíceis, pode pensar assim?" 


Ela entregou aquela mãe nas mãos de Deus e pediu que Ele entrasse com providências na vida dela e assim aconteceu...


Após 3 meses, aquela mesma mãe chegou para a irmã Jane Esther e disse: "- Irmã Jane Esther, desde que falei com a irmã, o Espírito Santo me incomodou tanto e me disse: -Você tem tempo para levar seus filhos para a escola, para passear, tempo para assistir TV, ir ao shopping, ter perfil no facebook, ter grupos no WhatsApp, intagran, ir ao cinema, a praia, ao trabalho todo dia, ir a igreja, ser professora da EBD, cuidar da casa, das plantas, do cachorro, do esposo... e não tem uma 1 hora para mim uma vez por semana?"
Como me senti miserável, pequena...


Naquela mesma semana, entrei no site, fiz minha inscrição online e hoje lidero dois grupos de Mães Unidas em Oração.
Minha vida com Deus mudou... Eu creio no poder da oração.

Sandra Pacheco Queiroz Macedo
(Líder de Grupo - Feira de Santana, BA)





Mães Unidas em Oração, filhos protegidos. 
Todo filho precisa de uma mãe que ora. 
Você já orou pelo seu filho hoje? 

contato@maesunidasemoracao.org 

(Colaboração: Hadassa Nogara)

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque "xxxx".

domingo, 3 de setembro de 2017

FILHOS: BENÇÃOS DE DEUS

A unidade familiar foi planejada por Deus. Esta unidade não é só composta por marido e esposa, mas homem e mulher carregam um outro status: o de pai e mãe.

No texto básico, percebemos que Paulo destaca, além do matrimônio (Ef 5:22-33), a paternidade (Ef 6:1-4) como elementos fundamentais para a formação de um lar verdadeiramente cristão.


Não poderia ser mais correta a afirmação do salmista: “Herança do SENHOR são os filhos; o fruto do ventre, seu galardão.” (Sl 127:3). “Herança” e “Galardão” dão a idéia de grande valor, uma bênção inestimável confiada a nós por Deus.Talvez isso nos faça perguntar: “Por que então parece que para grande parte da sociedade, os filhos são mais um peso do que um presente de Deus?”


Consideremos dois pontos de vista:

1. Filhos: bençãos de Deus

a. Filhos são bênção em um lar cristão
– O que é um lar cristão? Com certeza a resposta tem a ver com a presença de Cristo nesse lar. Se ele não está presente, seus valores também não estarão. Concluímos disso que a sobrevivência da família nunca precisou tanto de Jesus como em nossos dias.


b. Má definição de bênção
– “Bênção” não é só sinônimo de coisas boas. A Bíblia mostra através de muitos exemplos como filhos de Deus passaram por problemas difíceis e também como isso lhes resultou em grandes benefícios.


Mães, vocês já pararam para pensar que quando seus filhos testam sua paciência, te enervam, desobedecem, respondem ou adoecem no meio da madrugada, Deus está abençoando vocês? Deus está moldando-as, amadurecendo-as e dando a vocês a oportunidade de crescerem na dependência d'Ele. Reavalie portanto a sua definição pessoal do que é bênção. Talvez vocês não estejam percebendo de quão grandes bênçãos são portadores.

2.Toda bênção exige uma responsabilidade

Quando presenteamos nossos filhos com algo de maior valor segue-se uma ladainha de recomendações: “Não vai deixar jogado!”, “Cuidado para não sujar!”, “Não empresta para qualquer um!” 


Deus, ao nos dar filhos como bênçãos nos dá recomendações para que desfrutemos deste presente da maneira mais plena possível. Essa comparação nos lembra que mães cristãs também são filhas e se forem obedientes ao Pai Celeste terão melhor êxito como mães terrenos. Vejamos esses dois lados da responsabilidade das mães:

A. Responsabilidade para com Deus

Para sermos boas mães temos que aprender a ser boas filhas de Deus. Se o seu objetivo é criar filhos no caminho do Senhor, “de que maneira poderá o jovem guardar puro o seu caminho?” (Sl 119:9a) Essa pergunta também intrigava o salmista, mas ele sabia a resposta: “Observando-o segundo a tua palavra.” (Sl 119:9b) Mas como cobraremos aquilo que não praticamos e nem sequer conhecemos? A responsabilidade das mães diante de Deus pode ser resumida nos seguintes itens:


a. Conhecer a sua Palavra – A mãe cristã tem o dever de ser assídua na sua igreja local pois ali ouvirá a Palavra de Deus e será incentivada a estudá-la. Ela deve também ter os seus momentos devocionais particulares com Deus nos quais manterá comunhão direta com Ele através da leitura da Bíblia e da oração.

b. Obedecer
– “Tornai-vos, pois, praticantes da palavra e não somente ouvintes, enganando-vos a vós mesmos.” (Tg 1:22) Tudo o que ouvimos e lemos tem que se converter em prática de vida. Isso dá as mães autoridade para cobrar a obediência de seus filhos e para discipliná-los quando for preciso.

c. Tornar-se exemplo – “…torna-te padrão dos fiéis, na palavra, no procedimento, no amor, na fé, na pureza.” (1Tm 4:12). Assim como em qualquer responsabilidade, tornar-se exemplo começa dentro de nosso lar. Paulo dizia: “Sede meus imitadores, como também eu sou de Cristo.” (1Co 11:1) Será que você poderia dizer isso ao seu próprio filho?

B.Responsabilidades para com os filhos

a.Criar um ambiente de amor no lar
– Percebam que ainda não chegamos a uma atitude prática em relação aos filhos. Antes disso, precisamos falar de como a mulher deve se portar como mãe. Essa é a abordagem apresentada em nosso texto básico. Antes de o apóstolo Paulo falar da relação entre mães e filhos (Ef 6.1-4) ele descreve por muitos versos como deve ser a relação entre marido e mulher (Ef 5.22-33) e, segundo o texto, podemos definir essa relação em uma só palavra: amor, a condição  necessária para dar um referencial aos filhos. Como educá-los se vivemos em pé de guerra com nosso cônjuge?


b.Ensinar
– “Ensina a criança no caminho em que deve andar, e, ainda quando for velho, não se desviará dele.” (Pv 22:6) O caminho que se deve andar é o da obediência a Deus. Para que isso aconteça os mães têm que preocupar-se em orar pelos seus filhos e com eles; quando bem pequenos, ler historinhas bíblicas e encaminhá-los ao estudo para que possam aprender a ler a Bíblia por si sós, cobrar deles este tempo devocional diário. “Estas palavras que, hoje, te ordeno estarão no teu coração; tu as inculcarás a teus filhos, e delas falarás assentado em tua casa, e andando pelo caminho, e ao deitar-te, e ao levantar-te.” (Dt 6:6-7)

Estes versículos ensinam algumas lições a respeito da educação dos filhos. Veja os pontos a seguir:

a. Empenho - Ensinar não é uma tarefa fácil, se o fosse, não passaríamos oito anos da nossa vida para cumprir apenas o ensino fundamental. É necessário dedicação por parte das mães devido a importância dessa tarefa.

b. Perseverança
- Muitas mães reclamam: “Já falei mil vezes a mesma coisa e parece que meu filho não aprende!” Nunca podemos nos esquecer de que é necessário perseverar para que haja aprendizado. É assim que Deus nos trata na sua Palavra. Existem muitas repetições na Bíblia. Elas não estão ali por acaso. 


c.Naturalidade - “…delas falarás assentado em tua casa, e andando pelo caminho, e ao deitar-te, e ao levantar-te.” (Dt 6:7) Isso mostra que o processo de ensino tem que ser o mais natural possível. As mães devem aproveitar as oportunidades que os momentos com os filhos propiciam para educá-los no caminho do Senhor. Isso está na contramão da prática atual da sociedade. As mães modernas acham que ensinar se resume àqueles momentos em que o filho apronta alguma coisa e aí diz a célebre frase: “Filho, vamos conversar lá no seu quarto”. Essa não é a melhor educação. Isso nem sequer é educação pois é correção. Mas como cobrar e corrigir algo que nem sequer foi ensinado? Aproveite as perguntas do seu filho, a notícia do jornal, o problema de um conhecido e ensine o que a Bíblia diz a respeito.

d. Exemplo - “Estas palavras que, hoje, te ordeno estarão no teu coração; tu as inculcarás a teus filhos…” Como já vimos anteriormente, só podemos ensinar aquilo que está em nosso coração. Se assim não o for, correremos o perigo de borrar com o braço aquilo que escrevemos com a mão.


c.Disciplinar
 

“E vós, pais, não provoqueis vossos filhos à ira, mas criai-os na disciplina e na admoestação do Senhor. (Ef 6:4)
Duas coisas podem fazer com que seus filhos se tornem iracundos quando mais velhos: o excesso de disciplina e a falta dela. O texto de Efésios enfatiza esta última. O que o texto quer dizer é que os pais podem permitir o afloramento da ira em seus filhos negligenciando a disciplina. Paulo também ensina o problema inverso: “Pais, não irriteis os vossos filhos, para que não fiquem desanimados.” (Cl 3.21) Esta palavra “irritar” está ligada a severidade, ou seja, despertar a ira pelo excesso de castigo. Isso causa desânimo. Sabe por que? Porque eles vão pensar: “Não importa o que eu faça, vou estar sempre errado mesmo!”


Se tratando de disciplina, a chave para seu pleno exercício bíblico é o equilíbrio, pois seu objetivo não é descarregar a raiva e sim trazer seu filho ao caminho certo. Isso pode ser feito de duas maneiras:

- Admoestação – “Mais fundo entra a repreensão no prudente do que cem açoites no insensato.” (Pv 17:10). Ao menos que haja reincidência os pais devem primeiro tentar exortar seus filhos. Como confirma o provérbio, por vezes uma dura repreensão é mais eficaz do que bater.

- O uso da vara
– Isso vai contra tudo o que se tem pregado por ai mas a Bíblia legitima este dever. Primeiro do próprio exemplo de Deus: “Filho meu, não menosprezes a correção que vem do Senhor, nem desmaies quando por ele és reprovado; porque o Senhor corrige a quem ama e açoita a todo filho a quem recebe. É para disciplina que perseverais (Deus vos trata como filhos); pois que filho há que o pai não corrige?” (Hb12:5-7) Deus não só age assim mas como também nos cobra o mesmo procedimento:

Provérbios 13:24 – “O que retém a vara aborrece a seu filho, mas o que o ama, cedo, o disciplina.” Provérbios 23:13-14 – “Não retires da criança a disciplina, pois, se a fustigares com a vara, não morrerá. Tu a fustigarás com a vara e livrarás a sua alma do inferno.”

É claro, a disciplina não pode ser aplicada com exagero:


Provérbios 19:18 – “Castiga a teu filho, enquanto há esperança, mas não te excedas a ponto de matá-lo.” Veja também Provérbios 3.12; 4.20-23; 6.20-22; 20.30; 22.15; 29.15; Salmo 78.5-7

Realmente a tarefa de educar os filhos não é nada fácil. Aliás, nada nesta vida é fácil se não formos dependentes de Deus. Mantenha sempre comunhão com Ele e com a sua Palavra a qual não só nos auxilia nesta importante missão mas também em relação a qualquer assunto de nossa vida: "Toda a Escritura é inspirada por Deus e útil para o ensino, para a repreensão, para a correção, para a educação na justiça, a fim de que o homem de Deus seja perfeito e perfeitamente habilitado para toda boa obra". (2Tm 3:16-17). 


Só através da Palavra de Deus poderemos além de fazer frente, também derrotar este mundo que tenta deseducar nossos filhos bombardeando-os com toda a sorte de impurezas.

(Adaptado:Jane Esther de Paula Rosa



Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.
Todo filho precisa de uma mãe que ora.
Você já orou pelo seu filho hoje?

www.momsinprayer.org
www.maesunidasemoracao.org
contato@maesunidasemoracao.org
www.facebook.com/maesunidasemoracaobrasil
www.instagram.com/maesunidasemoracaobrasil

(
Colaboração: Hadassa Nogara)

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque "xxxx".

DESFRUTE DE UM MOMENTO A SÓS COM DEUS

Leia Mateus 6.5-6 e reflita.

“Mas quando você orar, vá para seu quarto, feche a porta e ore a seu Pai, que está em secreto. Então seu Pai, que vê em secreto, o recompensará.” (Mateus 6.6)

O salmista diz que é bom e agradável que os irmãos vivam em união (Sl 133:1). Viver em união também implica orar em conjunto (Mt 18:20). As orações de outras mães são vitais e podem nos ajudar a sobreviver, mas para que sintamos realmente a plenitude da presença de Deus em nossa vida, temos de ter um tempo A SÓS com Ele todos os dias. Quanto mais tempo passarmos sozinhas com Deus, mais poderosas nossas orações serão quando orarmos uma com as outras. 

Você será uma companheira de oração mais eficiente se não tiver negligenciado seu tempo a sós com o Senhor.

Precisamos definir o momento do dia que passaremos A SÓS COM DEUS. Faça disso um bom hábito. Peça a Deus para ajudá-la a separar o tempo de que você necessita para investir com Ele. Ele lhe mostrará as coisas que podem ser eliminadas da sua agenda ou, pelo menos, aquelas que você pode eliminar a ponto de lhe proporcionar minutos com Ele. Nossa A SÓS COM DEUS  é de 3 a 7 minutos!!!

Seu tempo de oração pessoal com Deus é o fundamento para todos os demais tipos de oração eficazes. Isso não quer dizer que você esteja livre de orar com as demais Mães Unidas em Oração, em seu PGO - Pequeno Grupo de Oração!

Já passei por situações em que os problemas de minha vida eram tão grandes que éramos sustentadas apenas pelas orações das outras Mães Unidas em Oração. Mas, a fim de prosseguir nas coisas de Deus, temos de estabelecer nosso próprio período de oração pessoal com o Senhor.

Aprenda a ser parceira de Deus. Se você é parceira de Deus quando está A SÓS com Ele, experimentará mais poder em suas orações quando for parceira em seu PGO, junto com as demais Mães Unidas em Oração.

ORAÇÃO
"Pai celestial, apresento meu dia e peço-te que o abençoes em todos os caminhos. Organiza meu dia e fica no controle. Ajuda-me principalmente a separar um tempo especial para sempre estar contigo."

(Adaptado: Jane Esther de Paula Rosa)




Mães Unidas em Oração, filhos protegidos. 

Todo filho precisa de uma mãe que ora. 
Você já orou pelo seu filho hoje? 

contato@maesunidasemoracao.org 


(Colaboração: Hadassa Nogara) 


IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque "xxxx".

quinta-feira, 31 de agosto de 2017

CALENDÁRIO NACIONAL DE ORAÇÃO - BRASIL - MÊS DE SETEMBRO DE 2017

É maravilhoso fazer parte de Moms In Prayer International / Mães Unidas em Oração no Brasil e conhecer o extraordinário Programa de Oração Mundial em PGOs - Pequenos Grupos de Oração, que Deus deu a uma mãe: Fern Nichols, em 1984, no Canadá, e que já está em quase 150 países... Um Ministério que durante anos tem sido referência na vida de milhões de mães ao redor do mundo!

Louvamos a Deus por mais um mês de oração pela vida de nossos filhos e escolas...

Agradecemos a vocês Mães Unidas em Oração que enviam seus pedidos e, através deles podemos elaborar o Calendário Nacional de Oração que tem norteado cada mãe no sem momento no seu A Sós com Deus!





No Momento "A SÓS COM DEUS", a Mãe Unida em Oração escolhe a hora mais apropriada, diariamente, e ora de 3 a 7 minutos por um dos filhos (biológico, adotivo ou espiritual), pela escola e pelo pedido do dia que está no Calendário Nacional de Oração, enviado para todas as Mães que pertencem ao Ministério, em PDF. O Calendário não substitui o encontro semanal dos Grupos de Mães Unidas em Oração.

Se a irmã pertence ao Ministério Internacional e não recebeu o seu Calendário Nacional de Oração é só nos enviar um e-mail: contato@maesunidasemoracao.org

Mãe Unida em Oração é apenas instrumento nas mãos de Deus. Quem é digno de toda honra e de toda Glória é o Senhor Jesus Cristo! É Ele quem guerreia "com" e "através" de nós! (Efésios 6: 10-20).

Somos apenas servas!

Se ainda não faz parte...

O primeiro passo para fazer parte do Ministério Moms In Prayer International / Mães Unidas em Oração no Brasil é sentir o toque do Espírito Santo para participar.

Em seguida, faça sua inscrição como Mãe Intercessora Individual (mãe biológica, adotante ou espiritual) colocando seu(s) filho(s) e a escola adotada em oração na Rede Mundial de Oração.

É só fazer a inscrição para receber todas as informações necessárias através do link:
http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html

Assim que encontrar outra mãe que também tenha sido tocada pelo Espírito Santo comece seu PGO - Pequeno Grupo de Oração...

Lembre-se que Mães Unidas em Oração é um Ministério de mãe com mãe..



Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.

Todo filho precisa de uma mãe que ora.
Você já orou pelo seu filho hoje?

contato@maesunidasemoracao.org


IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque "xxxx"

terça-feira, 22 de agosto de 2017

COMO ORAR POR UM FILHO NÃO-CONVERTIDO

Quando a salvação de alguém parece impossível, precisamos clamar com fé. Marcos 10:27b diz: "... para Deus todas as coisas são possíveis”. 


Estamos numa batalha espiritual! Mas, graças a Deus, nossas armas espirituais são mais poderosas e nossa autoridade em Cristo é bem maior do que os governos, poderes e forças da escuridão. O Inimigo tem que ceder, pois a vitória já é nossa (2 Coríntios 10:3-5).

Oremos em nome de Jesus, pedindo e clamando pela salvação de alunos, de professores, membros da administração, funcionários e pais ou responsáveis. Isto requer Fé, Coragem e Perseverança. Lembre-se de 2 Coríntios 5:7, para andamos pela fé e não pela vista.

Eis aqui um exemplo de oração, em conjunto, por um filho não-crente usando 2 Coríntios 10: 3-5:

Primeira Mãe
- "Querido Pai, em nome do Senhor Jesus, eu oro pelo rompimento de todas as manobras de Satanás na vida de _________”

Segunda Mãe - "Eu oro, pedindo que os pensamentos de __________ sejam submissos à vontade de Cristo."

Terceira Mãe
- "Sob a autoridade do nome do Senhor Jesus Cristo, eu clamo pela libertação de ___________ do poder e persuasão do maligno."

Primeira Mãe - "Senhor, eu oro para que haja convicção na vida de ________ e a consciência de que, Tu, meu Deus, o leve ao arrependimento. E que escute e creia em Ti, ao estar ouvindo e lendo a Tua Palavra."

Terceira Mãe - "Senhor, que a Tua perfeita vontade e que teus propósitos sejam realizados na vida de ___________"

Sugerimos, as seguintes referências bíblicas para meditação e uso, na hora de oração em favor de alguém que não é crente:

Ezequiel 11:19     2 Coríntios 4:3        4 Marcos 1:5       1 Timóteo 2:4-6    João 14:6    
    2 Timóteo 2:25, 26      Romanos 10:13-15            2 Pedro 3:9 


Mães Unidas em Oração, filhos protegidos

Todo filho precisa de uma mãe que ora 

Você já orou pelo seu filho hoje?

contato@maesunidasemoracao.org 

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque ”xxxx”.

TEMPO PESSOAL DE ORAÇÃO DA LÍDER DE PGO - PEQUENO GRUPO DE ORAÇÃO DE MOMS IN PRAYER INTERNATIONAL


A oração diária é a conexão vital da líder com o Pai.

Durante o tempo de oração pessoal, a líder estará aprendendo a orar e a se preparar para discipular outras mães a orarem. Através do tempo de oração pessoal, flui a preparação para ser uma líder efetiva e ter uma hora dinâmica de Mães Unidas em Oração.



Tempo de Oração Pessoal

1. Planejamento é a chave do sucesso do tempo regular da oração pessoal. Escolha um lugar, e equipe-o com uma Bíblia, caneta e seu Livreto: Mães Unidas em Oração.

2. Antes de começar, peça a Deus para preparar o seu coração para ouvir o que Ele tem para você hoje. Coloque de lado todos aqueles assuntos que poderiam distrair você do seu tempo com Ele e aquiete seu coração, fique quieta e saiba que Ele é Deus... (Salmo 46:10)

3. Incorpore “Os Quatro Passos Para Oração” dentro do seu tempo de oração pessoal. Esta parte do Livreto: Mães Unidas em Oração proporciona informação sobre cada um dos quatro passos para oração.

4. As ajudas de louvor e as ajudas de intercessão são guias adicionais para assistir-lhes no seu tempo de oração pessoal.

5. O uso de um período diário de oração lhe abençoará, pessoalmente, como também, lhe ajudará no planejamento da sua hora semanal de oração com o Grupo de "Mães Unidas em Oração".

6. Tenha o seu caderno ou diário de oração. A irmã poderá criar uma parte específica no seu próprio caderno para cada mãe do grupo pelo qual estará orando.

Preparação para sua hora de Mães Unidas em Oração

1. Com o uso de seu caderno ou diário de oração, a irmã simplesmente verá o que foi feito na reunião anterior, os louvores, os pedidos de oração. Assim a irmã estará apta para fazer o planejamento da próxima reunião do seu grupo de Mães Unidas em Oração.

2. Selecione no seu caderno ou diário, as passagens que irá usar para reunião e as transfira, posteriormente, para as irmãs do grupo.
3. A irmã pode distribuir para as suas companheiras de oração, folhas de papel para que elas preencham com seus pedidos.

4. Seria bom entregar para cada membro do grupo de Mães Unidas em Oração uma síntese da reunião com as suas anotações.

5. As folhas preenchidas das companheiras de grupo são um registro dos pedidos e das respostas de oração de cada uma. Não importa o tempo que vai levar para receber a resposta, mas sim, saber que no tempo de Deus a resposta virá! Oração respondida sempre aumenta a fé.

Mães Unidas em Oração, filhos protegidos

Todo filho precisa de uma mãe que ora 

Você já orou pelo seu filho hoje?


contato@maesunidasemoracao.org 

(Editora do Blog: Cláudia Regina Farias
Colaboradora: Rossana de Almeida Ferreira Pires)

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque ”xxxx”.

sexta-feira, 18 de agosto de 2017

TEMPO PARA OS FILHOS


Na sociedade moderna, as mães veem-se submetidas a um ritmo alucinante, trabalhando todo o dia, com exigências profissionais cada vez maiores, deixando pouco tempo e disponibilidade para estarem com os filhos.

Assim, surge o sentimento tão especial que mistura o direito que as mães têm de se realizarem pessoalmente, com a angústia de não terem tempo para os filhos.

Este sentimento de angústia e também de culpabilização acaba por dar espaço às permissões especiais, às exceções, que muitas vezes se tornam a regra, traduzindo-se numa incapacidade em dizer «não» aos filhos.

O que, se por um lado, alivia a culpa sentida por elas, pela falsa ideia de compensação, por outro, pode confundir o filho, promovendo o egocentrismo e a manipulação.

O stress decorrente do trabalho, afeta os modelos de comunicação na família, o que reduz a partilha de papéis e aumenta desentendimentos familiares, desencadeando problemas de comportamento nas crianças.

Os filhos necessitam da atenção dos pais, sobretudo quando falamos de crianças mais novas, ainda muito dependentes a nível afetivo.

No entanto, o fato de não estar todo o tempo com eles acaba por também lhes dar espaço para desenvolver a sua independência, sendo por isso muito importante que lhes transmita confiança durante o tempo em que estão juntos.



Então como fazer uma melhor gestão do seu tempo?

Considerando os tempos atuais, será de extrema importância repensar prioridades e estabelecer limites, sobretudo relativamente aos seus objetivos profissionais.

Tenha expetativas realistas face aos problemas, partilhe os dissabores do dia a dia em família, a entreajuda dos membros poderá ajudar a fazer a diferença. Desenvolva e promova atividades de relaxamento, exercício regular e uma alimentação saudável, ajudarão a sentir-se melhor.

Decida o que é importante, fazendo uma melhor gestão do seu tempo ao dar preferência aos filhos para que o desenvolvimento emocional deles não seja posto em causa.

Mais importante do que estar muitas horas com os seus filhos, será o tempo de qualidade que passa com eles. Por exemplo, é importante que, ao chegar a casa, lhes dedique o seu tempo, estando realmente disponível para lhes dar atenção, para isso procure organizar-se antecipadamente no sentido de assegurar outras questões, quer de ordem doméstica quer a nível de trabalho ou mesmo familiar. Poderá fazê-lo no caminho para casa (chamadas telefônicas em falta), ou depois de deitar as crianças (por exemplo: organizar o jantar para o dia seguinte).

À hora do jantar faça da refeição um momento de convívio partilhado sem a distração da televisão (ou de outros equipamentos eletrônicos, como o smartphone).

Também à hora de deitar, se eles ainda são pequenos, nunca se esqueça de os acompanhar, e de lhes contar uma história (por exemplo).

Promova saídas e momentos de descontração em família, mas não basta «levá-los a passear»; deverá ir passear com eles.

Faça também um esforço no sentido de tirar um tempo para si próprio(a), com alguma constância, pois só assim poderá, de um modo saudável, estar mais presente e disponível para as outras coisas da vida. Cuide-se pois só assim sera capaz de cuidar bem dos que te são caros.

(Fonte: Helena Coelho - Psicóloga Clínica)

"Nada, ABSOLUTAMENTE nada resiste ao Poder da Oração!" (Jane Esther M. S. Paula Rosa)


Mães Unidas em Oração, filhos protegidos

Todo filho precisa de uma mãe que ora 
Você já orou pelo seu filho hoje?

contato@maesunidasemoracao.org 

(Editora do Blog: Cláudia Regina Farias
Colaboradora: Rossana de Almeida Ferreira Pires)

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque ”xxxx”

segunda-feira, 14 de agosto de 2017

QUERO SER MÉDICO COMO DR. LUCAS!

Prezada irmã Jane Esther,

Moro em São Paulo. Conheci o Ministério Mães Unidas em Oração através de uma irmã da Igreja Batista da Liberdade, SP há 7 anos. Sou professora do Ensino Médio e meu esposo é Escrivão. Tenho 4 filhos. Meus filhos desde pequenos eram alunos da EBD. Meu filho caçula Matheus, na época com 9 anos sempre dizia que quando crescesse queria ser um médico, pois aprendera na EBD que Lucas, um dos Discípulos de Jesus Cristo, era o Médico Amado. Ele foi crescendo, concluiu o Ensino Fundamental e depois, com 16 anos, o Ensino Médio. Sempre dizia que gostaria de fazer medicina para ajudar ao próximo. Com 17 anos prestou vestibular para duas Universidades Particulares e passou, mas não tínhamos a menor condições de pagar. Eu e meu esposo conversamos com ele e dissemos que Deus iria abençoá-lo e que ele iria conseguir passar para uma Universidade Estadual. Durante aquele ano ele estudou sem parar.

No ano seguinte, ele tentou o vestibular para medicina da Universidade do Estado, mas não passou. Ficou triste e disse que só faria vestibular para medicina, pois ele queria ser como seu referencial, Dr. Lucas, o Médico Amado.

No ano seguinte, ele tentou, novamente, mas não conseguiu. Estava ficando desanimado, mas dissemos que no próximo ano ele iria passar. Foi aí que ele disse que prestaria vestibular para uma Universidade Federal. Durante todos estes anos, em nossas reuniões de Mães Unidas em Oração orávamos para que Deus fizesse o melhor na vida dele e que abrisse a porta certa para ele cursar medicina, visto que ele tinha convicção de que era esta a profissão que Deus colocara no coração dele, desde 9 anos.

Meu filho só ia para igreja e ficava estudando e revendo toda a matéria. Na noite anterior ao vestibular eu entreguei meu filho nas mãos do Senhor e uma forma profunda e clamei a Ele pela vida de meu filho. Que Deus desse a ele, agora com 20 anos a possibilidade de passa, pois ele estava preparado, humanamente para fazer o vestibular. Senti um profundo refrigério em minh’alma. Sabia que meu filho iria passar. No dia seguinte, um domingo pela manhã, meu filho foi para a Universidade Federal de São Paulo para fazer o vestibular e nós fomos para a igreja. Nossos corações estavam ligados ao dele, através dos Espírito Santo de Deus.Mas com total tranquilidade.O Culto terminou e voltamos para casa. Logo depois meu filho chegou e disse, que a prova estava muito difícil e que iria esperar o resultado. Meu filho foi aprovado! Aleluia! Aleluia! Fizemos um culto de gratidão à Deus pela maravilhosa bênção alcançada. Hoje está cursando o terceiro período de Medicina.

Obrigada Senhor, pelo Ministério Mães Unidas em Oração!


Berta Bueno Magalhães
(Mãe Unida em Oração – São Paulo, SP)

Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.
Todo filho precisa de uma mãe que ora.
Você já orou pelo seu filho hoje?

contato@maesunidasemoracao.org

(Editora do Blog: Cláudia Regina Farias
Colaboradora: Rossana de Almeida Ferreira Pires)

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque "xxxx"Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.

segunda-feira, 7 de agosto de 2017

10 CONSELHOS PARA OS PAIS

O normal dos pais é de querer dar o melhor para os seus filhos. Muitos adiam a chegada delesexatamente porque querem trabalhar duro antes e poder suprir todas as necessidades materiais da criança.

Mas o que muitos pais ignoram é que as condições materiais são sim necessárias, mas que o essencial mesmo é o suporte afetivo e estrutural para os filhos na construção do caráter e da personalidade. Aos pais foi dada por Deus uma autoridade para instruir desde cedo os seus filhos nos caminhos que devem andar (Provérbios 22.6). Esse é o segredo para uma criação bem-sucedida.

A Bíblia é repleta de conselhos para os pais, mas separamos 10 que com certeza farão uma enorme diferença na vida dos seus filhos:

1. Cuide da sua própria comunhão com Deus

Os filhos são grandes espectadores dos pais. Você pode dizer o que quiser, mas, no final, é o que os pais fazem que conta. Timóteo, discípulo do apostolo Paulo e importante figura na divulgação do Evangelho, tinha uma fé que era fruto do que existia em sua avó e em sua mãe, e que ele observava.

Paulo menciona isso em uma de suas cartas para ele: “... pela recordação que guardo de tua fé sem fingimento, a mesma que, primeiramente, habitou em tua avó Lóide e em tua mãe Eunice, e estou certo de que também, em ti.” (2 Timóteo 1:5)

Nenhum dos conselhos abaixo terá êxito se seus filhos não verem você praticando aquilo que ensina.

2. Não tenha medo em discipliná-los

“O que retém a vara aborrece a seu filho, mas o que o ama, cedo, o disciplina .” (Provérbios 13:24)

Quando a Bíblia fala de vara e disciplina, em hipótese alguma está falando em tortura, mas em mostrar para o filho a consequência ruim para atitudes ruins.

3. Ensine a liberdade com responsabilidade

“... a criança entregue a si mesma vem a envergonhar a sua mãe.” (Provérbios 29:15)

Com medo de parecerem antiquados, carrascos ou até por terem tido uma educação opressora, muitos pais deixam seus filhos fazerem o que bem entendem. Mas que discernimento tem uma criança para saber do que é melhor para si?

4. Aproveite todas as oportunidades para ensinar a seus filhos sobre o amor de Deus

“Estas palavras que, hoje, te ordeno estarão no teu coração; tu as inculcarás a teus filhos, e delas falarás assentado em tua casa, e andando pelo caminho, e ao deitar-te, e ao levantar-te.” (Deuteronômio 6:6,7)

Falar do amor de Deus não deve restringir-se apenas aos cultos na igreja, mas todos os momentos que estiverem com os seus filhos devem ser a materialização do amor e da proteção de Deus.

5. Não seja incoerente com eles

“Pais, não irriteis os vossos filhos, para que não fiquem desanimados.” (Colossenses 3:21)

A incoerência é uma amostra da injustiça. Se você diz uma coisa e faz outra, o seu filho não vai querer aceitar. É a partir dessa irritação que muitos filhos se rebelam contra os próprios pais.

6. O valor da obediência

“Eis que, hoje, eu ponho diante de vós a bênção e a maldição: a bênção, quando cumprirdes os mandamentos do SENHOR, vosso Deus, que hoje vos ordeno; a maldição, se não cumprirdes os mandamentos do SENHOR, vosso Deus, mas vos desviardes do caminho que hoje vos ordeno, para seguirdes outros deuses que não conhecestes.” (Deuteronômio 11:26-28)

Filhos que conseguem obedecer a seus pais, a quem veem, têm grandes chances também de obedecerem ao Deus verdadeiro. Se seus filhos veem que você obedece a Deus e sabem as consequências positivas disso, eles também terão prazer em obedecê-Lo.

7. Ensine-os a fazer boas escolhas

“Não vos enganeis: de Deus não se zomba; pois aquilo que o homem semear, isso também ceifará.” (Gálatas 6:7)

Seus filhos precisam entender que toda ação gera uma reação. E que uma maneira de fazer boas escolhas na vida é pensando nas consequências delas.

8. Seja o treinador, mas também o maior torcedor do seu filho

“Não to mandei eu? Sê forte e corajoso; não temas, nem te espantes, porque o SENHOR, Teu Deus, é contigo por onde quer que andares.” (Josué 1:9)

Nada tem peso maior do que as palavras dos pais. Quantas não são as crianças com um potencial enorme que simplesmente não acreditam nisso porque seus pais fazem questão de sempre ressaltar suas fraquezas e debilidades? Grandes homens e mulheres foram forjados com o incentivo dos pais mesmo diante de condições desfavoráveis. Por isso, cuidado com o que diz para o seu filho.

9. A fé para vencer e permanecer

“Sem fé é impossível agradar a Deus, porquanto é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que Ele existe e que se torna galardoador dos que O buscam.”(Hebreus 11:6)

Ensine-os a usar a fé para superar as dificuldades. Muitos recorrem aos meios naturais diante dos problemas, sendo que possuem uma arma poderosa, que é a fé. A fé precisa ser usada a todo momento, em qualquer circunstância. Ensinar a usá-la é o maior ensinamento que um pai pode passar para o filho.

10. O temor a Deus

“O temor do SENHOR é o princípio da sabedoria.” (Provérbios 9:10)

Ninguém consegue ser fiel a Deus se não temê-Lo, e isso não significar viver aterrorizado de medo com o que Ele pode fazer, mas respeitar e reverenciar quem Ele é. Esse é o segredo para seus filhos crescerem tendo intimidade com Deus e não tendo Ele como um Deus distante.


(Por Núbia Onara - Jornalista da Folha Universal)

Como mães e algumas vezes pães (pai e mãe) temos a árdua e difícil tarefa de educar, mas não podemos jamais esquecer que educar é sobretudo amar.

Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.
Todo filho precisa de uma mãe que ora.
Você já orou pelo seu filho hoje?

contato@maesunidasemoracao.org

(Editoras do Blog: Cláudia Regina Farias e  Rossana de Almeida Ferreira Pires)

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque "xxxx"Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.

domingo, 6 de agosto de 2017

25 RECADOS DO SEU FILHO


01. Não deixe de me levar para a EBD. Mesmo que eu queira ficar dormindo, não caia na minha conversa. Seja firme! Não abra mão!

02. Não abra mão de passar para mim os valores cristãos, orar comigo e por mim. Mesmo que eu não queira, insista e faça!

03. Não me deixe conectado na internet o tempo todo. Dê-me limites. Sei que será importante para minhas prioridades e para minha formação.

04. Não me estrague. Sei perfeitamente que não devo ter tudo que peço. Estou apenas testando você.

05. Não tenha medo de ser firme comigo. Prefiro assim para me sentir mais seguro amanhã.

06. Não me deixe adquirir maus hábitos. Tenho que contar com você para eliminá-los, desde as primeiras vezes.

07. Não me faça sentir menor do que sou. Isto só fará com que me comporte como “grande” ridículo.

08. Não me corrija com aspereza diante dos outros. A repreensão será mais proveitosa se feita calmamente, em particular.

09. Não me faça sentir que minhas faltas são pecados. Isto subverte meu senso de valores.

10. Não me proteja das conseqüências. É bom que de vez em quando eu aprenda, sofrendo na própria pele.

11. Não se sinta chocada quando eu digo “odeio você”. No fundo, não é você que eu odeio, é seu poder de me contrariar.

12. Não ligue muito para certas dorzinhas de que, às vezes, me queixo. Quase sempre não passam de um truque para conseguir a atenção que preciso.

13. Não seja ranheta, chata comigo. Do contrário, para me proteger, serei obrigado a parecer surdo as suas reclamações.

14. Não se esqueça de que não sei ainda me exprimir tão bem quanto desejaria. Este é o motivo porque nem sempre sou muito exato em minhas explicações.

15. Não faça promessas irrefletidas. Lembre-se de que fico tremendamente frustrado quando uma promessa não é cumprida.

16. Não tabele muito alto meu grau de honestidade. Isto facilmente me assusta a ponto de me levar a dizer mentiras.

17. Não seja incoerente. Cria em mim uma confusão tal que me faz perder a fé em você.

18. Não diga nunca que meus medos são bobagens. Para mim, eles são terrivelmente reais e você contribuirá muito para me dar segurança se tentar entendê-los.

19. Não me descarte quando faço perguntas. Senão eu paro de lhe perguntar as coisas e você vai descobrir que agora busco minhas respostas em outros lugares.

20. Não queira aparecer nunca como perfeita ou infalível. Para mim será um choque forte demais o descobrir que você não é nenhuma das duas coisas.

21. Não pense jamais que cairá do pedestal de sua dignidade perante mim se tiver que me pedir desculpa. Saiba que uma desculpa honesta só faz aumentar surpreendentemente minha cálida atmosfera de intimidade com você.

22. Não se esqueça de quão depressa estou crescendo. Deve ser duro para você acompanhar meu ritmo, mas por favor tente.

23. Não se esqueça de que adoro experimentar. Sem isto não posso ir adiante, portanto colabore nisto.

24. Não se esqueça de que não posso florescer se não com um bocado de amor e compreensão. Mas isto não preciso lhe dizer, preciso?

25. Todo que você fez por mim, me tornou o filho que sou hoje.

(Adaptado por Jane Esther de Paula Rosa)

Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.

Todo filho precisa de uma mãe que ora.

Você já orou pelo seu filho hoje?


contato@maesunidasemoracao.org


(Editoras do Blog: Cláudia Regina Farias e  Rossana de Almeida Ferreira Pires)

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque "xxxx"

segunda-feira, 31 de julho de 2017

CALENDÁRIO NACIONAL DE ORAÇÃO - BRASIL - MÊS DE AGOSTO DE 2017

É maravilhoso fazer parte de Moms In Prayer International / Mães Unidas em Oração no Brasil e conhecer o extraordinário Programa de Oração Mundial em PGOs - Pequenos Grupos de Oração, que Deus deu a uma mãe: Fern Nichols, em 1984, no Canadá, e que já está em quase 150 países... Um Ministério que durante anos tem sido referência na vida de milhões de mães ao redor do mundo!

Louvamos a Deus por mais um mês de oração pela vida de nossos filhos e escolas...

Agradecemos a vocês Mães Unidas em Oração que enviam seus pedidos e, através deles podemos elaborar o Calendário Nacional de Oração que tem norteado cada mãe no sem momento no seu A Sós com Deus!



No Momento "A SÓS COM DEUS", a Mãe Unida em Oração escolhe a hora mais apropriada, diariamente, e ora de 3 a 7 minutos por um dos filhos (biológico, adotivo ou espiritual), pela escola e pelo pedido do dia que está no Calendário Nacional de Oração, enviado para todas as Mães que pertencem ao Ministério, em PDF. O Calendário não substitui o encontro semanal dos Grupos de Mães Unidas em Oração.

Se a irmã pertence ao Ministério Internacional e não recebeu o seu Calendário Nacional de Oração é só nos enviar um e-mail: contato@maesunidasemoracao.org

Mãe Unida em Oração é apenas instrumento nas mãos de Deus. Quem é digno de toda honra e de toda Glória é o Senhor Jesus Cristo! É Ele quem guerreia "com" e "através" de nós! (Efésios 6: 10-20).

Somos apenas servas!

Se ainda não faz parte...

O primeiro passo para fazer parte do Ministério Moms In Prayer International / Mães Unidas em Oração no Brasil é sentir o toque do Espírito Santo para participar.

Em seguida, faça sua inscrição como Mãe Intercessora Individual (mãe biológica, adotante ou espiritual) colocando seu(s) filho(s) e a escola adotada em oração na Rede Mundial de Oração.

É só fazer a inscrição para receber todas as informações necessárias através do link:
http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html

Assim que encontrar outra mãe que também tenha sido tocada pelo Espírito Santo comece seu PGO - Pequeno Grupo de Oração...

Lembre-se que Mães Unidas em Oração é um Ministério de mãe com mãe..

Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.
Todo filho precisa de uma mãe que ora.
Você já orou pelo seu filho hoje?

contato@maesunidasemoracao.org

(Editora do Blog: Cláudia Regina Farias e Rossana de Almeida Ferreira Pires)

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque "xxxx"