Ministério Mães Unidas em Oração Internacional - Brasil

Ministério Mães Unidas em Oração Internacional - Brasil
O Ministério Moms In Prayer International, anteriormente conhecido como Moms In Touch / Mães em Contato, chama-se, atualmente, Mães Unidas em Oração Internacional - Brasil. Começou em 1984, em Bristish Columbia, Canadá com Fern Nichols. Atualmente o Ministério está em mais 150 países. É um ministério de oração em favor dos nossos filhos (biológicos, adotivos e espirituais), os colegas deles, suas escolas, professores e diretores para que sejam guiados por altos valores bíblicos e morais e, assim, cobrir todas as escolas do mundo com uma rede de proteção espiritual através da oração. A base do Ministério são as escolas de nossos filhos. (Educação Infantil até a Universidade)

quinta-feira, 30 de abril de 2020

EDUCAR DÁ TRABALHO


Os pais, e especialmente nós as mães, no papel de primeiras e mais importantes educadoras, devemos cumprir a palavra de Deus e ensinar nossos filhos enquanto crianças o caminho que devem andar para que quando velhos não se desviem dele (Pv 22:6)

1. Não dê à criança tudo quanto ela queira.


Desde pequena a criança deve aprender a ouvir um não. Aprendendo agora a dizer um não ao lícito, mais tarde ela saberá dizer também não ao ilícito.

2. Aponte os erros que seu filho comete. 


Quando ele se embrenha nas sendas do mal, mostre o caminho do bem.
Nos momentos de perplexidade, esclareça sua dúvida. Ensine e ajude seu filho a escolher entre o certo e o errado, entre o bem e o mal. Ajude-o a seguir o caminho do bem abraçando sempre a verdade.

3. Dê a seu filho também uma educação espiritual.


Seu filho não é apenas corpo e sensibilidade, mas possui também uma essência espiritual; uma essência que precisa conhecer e amar ao seu criador

Se ele perder a confiança no supremo, se perder o sentido da vida, se desconhecer o destino imortal do homem, se não esperar mais nada para depois da morte, só lhe resta um caminho a seguir: gozar a vida no momento presente e, para isto, irá servir-se de todos os meios, bons e maus, proibidos ou permitidos.

Um homem que não nutre esta essência é uma caricatura humana.

Um homem que não enxerga o eterno é um homem morto antes do tempo.

4. Não confunda as Coisas... 


Quando seu filho deixar espalhados pelo chão roupas, sapatos, livros, brinquedos, faça-o apanhá-los. Mas faça como amor, bondade e carinho e não de maneira agressiva ou irritada. Com gritos nunca se educa uma criança. Educa-se com energia, amor, carinho, bondade e compreensão.

5. Não brigue nem discuta na presença do filho.


Quando os pais discordarem ou se desentenderem, procurem evitar a discussão diante dos filhos. Falem e discutam a sós. Brigas e discussões na presença dos filhos, além do mau exemplo que os pais dão, provocam na alma da criança conflitos de ordem emocional irreversíveis e muitas vezes de graves consequências.

A harmonia e união entre os pais revertem em benefício para os próprios filhos.

6. Não dê a seu filho quanto dinheiro ele pedir.


Quem não se contenta com pouco, nem o muito o satisfará jamais.

O dinheiro fácil na mão do seu filho abre caminho para muitos erros, pois a riqueza mal empregada abre as portas do mal.

Seu filho deve aprender quanto custa ganhar dinheiro.

Se desde pequeno ele não sabe quanto custa o dinheiro, ele só deseja uma coisa na vida: ganhar muito dinheiro com o mínimo de esforço e gozar o máximo a vida.

Dinheiro fácil nas mãos do seu filho leva-o a confiar mais no poder da moeda do que em sua força de vontade, em sua dignidade moral e capacidade intelectual.

Faça com que seu filho mereça o dinheiro que recebe.

7. Não satisfaça todos os desejos e caprichos do seu filho em matéria de comida, bebida e conforto.

Ele deve aprender a fazer sacrifício, a renunciar um gosto pessoal, a dizer um não a um capricho e deixar de ser voluntarioso.

O comodismo enterra todas as aspirações humanas e é o maior obstáculo do progresso.

Formar a vontade do filho não é fazer todas as suas vontades.

Forme a vontade dele para que rejeite sempre o mal e queira sempre só o bem.

8. Quando seu filho entrar em conflito com professores, polícia, vizinhos e colegas, não tome seu partido sem antes examinar bem o fato e ver de que lado está a razão.

Um erro é tomar sempre o partido do filho apenas por ser filho, sem procurar saber a origem do conflito e ver com quem está a razão.

É preciso ver, analisar, julgar e dar razão para quem a merece.

Não é somente o filho do vizinho que pode errar; o seu também está sujeito ao erro.

Ninguém é perfeito; seu filho também está dentro desta regra.

Seja justo e dê razão a quem tem de fato.

9. Olhos Abertos significa atenção... 

Quando ele entrar numa contenda mais séria, não o desculpe com estas palavras: "Ele sempre foi impossível; ele é assim mesmo."

Isto fará com que seu filho permaneça no erro e abrirá caminho para faltas mais graves, pois ele sabe que pode contar sempre com a cumplicidade indulgente dos pais. A indulgência excessiva é sempre cúmplice do crime.

Seja indulgente, mas sempre dentro da ordem, da energia bondosa e da disciplina.

10. Não faça comparações das virtudes e dotes do seu filho em relação aos outros. 

Fazendo isto, você estará implantando nele o vírus da intolerância, a discriminação pessoal e social, e o menosprezo pelos demais.

Um elogio deve ser feito de maneira discreta, a sós, e com muito cuidado.

Os pais, costumam rotular os filhos de acordo com sua própria conveniência, e isto abre espaço para que vejam nos filhos, qualidades que muitas vezes não possuem, causando frustrações nos mesmos com o tempo.

11. Qualquer tipo de vício é prejudicial para os adultos e muito mais às crianças. 

Se tiver algum vício, lute para livrar-se dele, e o faça diante do seu filho, sempre demonstrando a ele os malefícios do mesmo e sua luta pela liberdade.

Seu fiho não merece compartilhar de um capricho danoso como o seu.

Se você tem amor de fato por ele, livre-se do vício, só, e apenas desse modo, poderá lhe cobrar mais tarde com eficiência, caso ele se caia numa dessas armadilhas.

Para o filho, o exemplo de probidade dado pelos pais é mais importante do que todas as opiniões que ele vai encontrar pelo resto da sua vida, na rua.

(Extraído do Educador Brasileiro - Frei Anselmo)

Feito tudo isso, ore todos os dias da vida de seu filho coloque-o sob a proteção de Deus e prepare-se para colher os bons frutos de tudo que você semeou.



Mães Unidas em Oração, filhos protegidos

Todo filho precisa de uma mãe que ora 

Você já orou pelo seu filho hoje? 


contato@maesunidasemoracao.org
WhatsApp: 21 99212-0548

(Editora do Blog: Jane Esther Monteiro de Souza de Paula Rosa) 

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html
Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque ”xxxx”.

LEVANTA E CLAMA: 31 DIAS DE ORAÇÃO - COMEÇA AMANHÃ!


COMEÇA AMANHÃ! LEVANTA E CLAMA!

Não há presente maior e melhor do que ver os nossos filhos sendo abençoados. Por isso no mês de maio, mês de Celebração do Aniversário do Ministério Moms In Prayer international / Mães Unidas em Oração no Brasil, estaremos em mais um propósito de oração em favor dos filhos. 31 dias!

Estaremos orando 31 virtudes Bíblicas sobre os filhos. Orações de Concordância. Compartilharemos 1 virtude cada dia.

Escolha qual o melhor momento para o seu "A Sós Com Deus"

Há poder na Oração de Concordância. Não importa em que estado você esteja. Estaremos juntas neste propósito!

Serão 31 dias de oração. Todos os dias um motivo de oração!

Durante estes 31 dias de oração estaremos cobrindo cada área da vida dos nossos filhos.
Os nossos filhos (biológicos, adotivos ou espirituais) são herança do Senhor. Algo que não nos pertencia, mas o Senhor nos deu o direito de possuí-los e cuidar deles. Ele são um bem de valor inestimável, por isso mais do que nunca precisamos nos posicionar para proteger alguém de tanto valor!
Neste desafio estaremos orando para que Deus restaure todas as áreas da vida dos nossos filhos, seja ela espiritual, emocional, social ou física.

Nós não queremos fazer deste desafio uma tarefa. Queremos que você participe com um coração aberto e carinhoso para que Deus possa ouvi-la e responder as suas orações.

Algumas orientações:

1. Reserve um tempo para o "A Sós Com Deus".

2. Planeje o horário que melhor se encaixe na sua agenda durante os 31 dias!.
3. Estabeleça o período que você intercederá pelos seus filhos. (Em nosso "A Sós com Deus" sugerimos de 3 a 7 minutos, mas pode ser mais, caso desejar)
4.Não tenha pressa em sair da presença de Deus, lembre-se, Ele tem poder para abençoar os seus filhos, abençoá-lo em todos os aspectos da vida deles!
Junte-se a nós neste grande Desafio de oração.
Não importa a idade que eles tenham. Nunca é cedo demais ou tarde demais para começar a orar pelos nossos filhos.
Comece hoje a interceder pela vida deles.
A sua oração mudará o curso e a história deles.
A sua oração os levará para mais perto da vontade e dos planos de Deus para a vida deles.
Vamos juntas? A partir de amanhã 1 de Maio
5. Estaremos ao vivo, às 20h, nos dia 4, 11, 18 e 25 pela nossa página do facebook e, às 20h30 pelo Instagram

ღ 🍃 🌺ღ╯ღ 🍃 🌺ღ 🍃 🌺ღ╯ღ 🍃 🌺ღ╯ღ 🍃 🌺 ღ 🍃 🌺ღ╯ღ 🍃 🌺

Se você ainda não faz parte do Ministério Moms In Prayer International / Mães Unidas em Oração no Brasil o primeiro passo é sentir o toque do Espírito Santo para participar.
Em seguida, fazer sua inscrição como Mãe Intercessora Individual para receber todas as informações necessárias através do link abaixo:
Assim que encontrar outra mãe que também tenha sido tocada pelo Espírito Santo comece seu PGO - Pequeno Grupo de Oração...
Lembre-se que Mães Unidas em Oração é um Ministério de mãe com mãe..
(Obs.: Essas virtudes foram retiradas da Bíblia como um “roteiro de oração” pelo escritor Americano Bob Hostetler. Ele é autor do premiado “Don’t Check Your Brains at the Door” (com Josh McDowell), e de “They Call me A.W.O.L.” Ele vive em Oxford, Ohio, com sua mulher, Robin, e dois filhos.)



Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.

Todo filho precisa de uma mãe que ora.
Você já orou pelo seu filho hoje?

www.momsinprayer.org
www.maesunidasemoracao.org
WhatsApp: 21 99212-0548

(Editora do Blog: Jane Esther Monteiro de Souza de Paula Rosa)

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html

Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque "xxxx"

quarta-feira, 29 de abril de 2020

CALENDÁRIO NACIONAL DE ORAÇÃO - BRASIL - MÊS DE MAIO DE 2020

É maravilhoso fazer parte de Moms In Prayer International / Mães Unidas em Oração no Brasil e conhecer o extraordinário Programa de Oração Mundial em PGOs - Pequenos Grupos de Oração, que Deus deu a uma mãe: Fern Nichols, em 1984, no Canadá, e que já está em mais de 150 países... 

Um Ministério que durante anos tem sido referência na vida de milhões de mães ao redor do mundo!

Louvamos a Deus por mais um mês de oração pela vida de nossos filhos e escolas...

Agradecemos a vocês Mães Unidas em Oração que enviam seus pedidos e, através deles podemos elaborar o Calendário Nacional de Oração que tem norteado cada mãe no seu momento "A Sós com Deus"!

No Momento "A SÓS COM DEUS", a Mãe Unida em Oração escolhe a hora mais apropriada, diariamente, e ora de 3 a 7 minutos por um dos filhos (biológico, adotivo ou espiritual), pela escola e pelo pedido do dia que está no Calendário Nacional de Oração, enviado para todas as Mães que pertencem ao Ministério, em PDF. O Calendário não substitui o encontro semanal de 1 hora dos PGOs - Grupos de Mães Unidas em Oração.

Se a mãe pertence ao Ministério Internacional e não recebeu o seu Calendário Nacional de Oração é só nos enviar um e-mail: contato@maesunidasemoracao.org

Mãe Unida em Oração é apenas instrumento nas mãos de Deus. Quem é digno de toda honra e de toda Glória é o Senhor Jesus Cristo! É Ele quem guerreia "com" e "através" de nós! (Efésios 6: 10-20).

Somos apenas servas!

Se você sentiu o toque do Espírito Santo para participar, o primeiro passo para fazer parte do Ministério Moms In Prayer International / Mães Unidas em Oração no Brasil é fazer sua inscrição como Mãe (biológica, adotante ou espiritual) colocando seu(s) filho(s) e a escola adotada em oração na Rede Mundial de Oração.

É só fazer a inscrição para receber todas as informações necessárias através do link:
http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html

Tão logo encontre outra mãe que também tenha sido tocada pelo Espírito Santo comece seu PGO - Pequeno Grupo de Oração...

Foi assim que começou com Fern Nichols em 1984, no Canadá. Ela levou seu filho para escola e viu que ele estava mudando de comportamento. Começou a orar e pediu a Deus outra mãe que estivesse passando pela mesma situação. Assim começou Moms In Prayer International e, hoje, estamos em mais de 150 países! Mistério Insondável de Deus! 

Lembre-se que Mães Unidas em Oração é um Ministério de mãe com mãe..

Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.
Todo filho precisa de uma mãe que ora!
Você já orou pelo seu filho hoje?

www.momsinprayer.org
www.maesunidasemoracao.org
WhatsApp: 21 99212-0548

(Editora do Blog: Jane Esther M. S. de Paula Rosa)



IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html 

Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque "xxxx".

terça-feira, 28 de abril de 2020

LEVANTA E CLAMA!


Vem aí o nosso Levanta e Clama Brasil. Estaremos orando 31 virtudes Bíblicas sobre os filhos”. Orações de Concordância.

Compartilharemos 1 virtude cada dia e oraremos juntas. Há poder na Oração de Concordância. Não importa em que estado você esteja. Estaremos juntas neste propósito!

Essas virtudes foram retiradas da Bíblia como um “roteiro de oração” pelo escritor Americano Bob Hostetler.

Não há presente maior e melhor do que ver os nossos filhos sendo abençoados. Por isso no mês de maio, mês de Celebração do Aniversário do Ministério Moms In Prayer / Mães Unidas em Oração no Brasil estaremos em mais um propósito de oração em favor dos filhos.

Serão 31 dias de oração. Todos os dias um motivo de oração!

Durante estes 31 dias de oração estaremos cobrindo cada área da vida dos nossos filhos.

Os nossos filhos (biológico/coração ou espiritual) são herança do Senhor. Algo que não nos pertencia, mas o Senhor nos deu o direito de possuí-los e cuidar deles. Ele são um bem de valor inestimável, por isso mais do que nunca precisamos nos posicionar para proteger alguém de tanto valor!

Neste desafio estaremos orando para que Deus restaure todas as áreas da vida dos nossos filhos, seja ela espiritual, emocional, social ou física.

Nós não queremos fazer deste desafio uma tarefa. Queremos que você participe com um coração aberto e carinhoso para que Deus possa ouvi-la e responder as suas orações.

O Levanta e Clama começa no dia 1° de maio. Algumas orientações:
1. Reserve um tempo para o propósito. 
2. Planeje um horário que melhor se encaixe na sua agenda.
3. Estabeleça o período que você intercederá pelos seus filhos. (Em nosso "A Sós com Deus" sugerimos de 3 a 7 minutos, mas pode ser mais, caso desejar)
4.Não tenha pressa em sair da presença de Deus, lembre-se, Ele tem poder para abençoar os seus filhos, abençoa-lo em todos os aspectos da vida deles!

Junte-se a nós neste grande Desafio de oração. 
Não importa a idade que eles tenham. 
Nunca é cedo demais ou tarde demais para começar a orar pelos nossos filhos. 
Comece hoje a interceder pela vida deles. 
A sua oração mudará o curso e a história deles.
A sua oração os levará para mais perto da vontade e dos planos de Deus para a vida deles.

Vamos juntas? A partir do dia 1 de Maio.

Se você ainda não faz parte do Ministério Moms In Prayer International / Mães Unidas em Oração no Brasil o primeiro passo é sentir o toque do Espírito Santo para participar.

Em seguida, fazer sua inscrição como Mãe Intercessora Individual para receber todas as informações necessárias através do link abaixo:

Assim que encontrar outra mãe que também tenha sido tocada pelo Espírito Santo comece seu PGO - Pequeno Grupo de Oração...

Lembre-se que Mães Unidas em Oração é um Ministério de mãe com mãe..

Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.
Todo filho precisa de uma mãe que ora.
Você já orou pelo seu filho hoje?

www.momsinprayer.org
www.maesunidasemoracao.org
WhatsApp: 21 99212-0548

(Editora do Blog: Jane Esther M. S. de Paula Rosa)

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html 

Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque "xxxx".

domingo, 26 de abril de 2020

MINHA CAMINHADA COM DEUS!



Mãe, esperamos que essas dicas possam ajudar você na caminhada com Deus:

1. EXERCITE A SUA FÉ
Mas como? Agindo. Vá em frente mesmo quando a estrada não for asfaltada ou não existir caminho. Não tente ver para crer. Baseie-se no que está escrito na Palavra de Deus, e não em seus sentimentos.

2. ADMITA SUAS DÚVIDAS
Fale com Deus sobre elas. Desenvolva uma amizade informal, íntima e envolvente com Deus, afinal, Ele te conhece melhor do que você mesmo.

3. NÃO FALE EM FRACASSO
O medo e os sentimentos negativos são venenosos para a fé. Tudo o que a gente pensa e fala pode se transformar em um comportamento real.

4. SUPORTE AS DIFICULDADES
Quando a gente passa nos testes da vida, a nossa fé cresce. Por isso, relembre os momentos difíceis de sua vida e como Deus o guiou. Mantenha contato com pessoas de fé e oração.

5. ESTUDE A BÍBLIA E OLHE PARA JESUS
O apóstolo Paulo disse que “a fé vem pela Palavra de Deus”. A Bíblia também diz que Jesus é quem projeta e constrói a nossa fé, por isso busque confiar no Pai assim como Ele fazia.

6. ENTRE NO RITMO DE DEUS
Saiba que Deus faz as coisas no tempo d'Ele, mas Ele faz! Então aprenda a esperar.

7. PAGUE O PREÇO DA FÉ
A fé que não custa nada, não vale nada. O preço é esse: passe tempo com Deus e O obedeça. Não existe um atalho, por isso esqueça os caminho mais fáceis.



Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.
Todo filho precisa de uma mãe que ora.
Você já orou pelo seu filho hoje?

www.momsinprayer.org
contato@maesunidasemoracao.org 
WhatsApp: 21 99212-0548

(Editora do Blog: Jane Esther Monteiro de Souza de Paula Rosa) 

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html

Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher coloque ”xxxx”.

sexta-feira, 24 de abril de 2020

CONSTRUINDO GRUPOS FORTES



1. A líder é bem treinada. 
Ela ORA usando os quatro passos de oração em concordância durante uma hora. Ela é preparada. Uma líder bem treinada estará confiante e animada com o privilégio de discipular suas mulheres em como orar de forma eficaz e poderosamente. 

Seus membros vão convidar outras mães para o grupo. Elas também irão lançar a visão para outras mulheres que conhecem, desafiando-as a aderirem ou iniciar um PGO - Pequeno Grupo de Oração e adotar uma escola. A multiplicação vai acontecer.

2. A líder é entusiasmada
Ela não vê esta hora como um fardo, mas de mudança de vida para si mesma e para as demais mães de seu grupo. Ela sabe que a oração funciona e que há grande poder lançado em oração corporativa.

Há um princípio de oração em Deuteronômio 32:30: "Como poderia ser que um só perseguisse mil, e dois fizessem fugir dez mil, se a sua Rocha os não vendera, e o Senhor os não entregara?"

Quem não gostaria de orar com outra mãe se as suas orações serão 10 vezes mais poderosas? Esta é a melhor decisão para você investir uma hora de sua vida.

3. A líder está comprometida
Ela sabe que Deus abençoará sua obediência. Ela está empenhada em estar pronta com sua folha de oração, e compromete-se a orar pelas mães em seu grupo.

4. A líder leva a vida com um coração purificado
Ela não é perfeita, mas perdoada. A líder habitualmente tem um tempo de silêncio. Ela é intencional sobre reservar tempo para passar com Jesus, mantendo-O como seu primeiro amor. Ela é a modelagem de Jesus para outras mães do seu grupo. Ela não pode levar suas mães a uma maior intimidade com Deus se ela não crê no poder da oração.
Como a líder caminha,  assim vai o grupo! Ela está realmente comprometida levando cada mãe de seu grupo para uma caminhada pessoal com o Senhor.

5. A líder é o estabelecimento de um senso de comunidade
Mulheres querem pertencer. Elas querem um lugar onde se sintam seguras, amadas e aceitas sem condenação.

6. A líder lidera com integridade.
Ela sempre começa e termina no tempo.
Ela leva em oração as solicitações e ações de graças, em vez de compartilhá-las primeiro.
Ela encoraja as demais mães a virem mais cedo ou ficar depois, se elas desejam mais tempo de comunhão.

7. Ela está empenhada em estar presente todas as semanas.
Ela sempre salienta confidencialidade. O grupo será sustentável e a líder será respeitada.
Nós agradecemos os testemunhos de mães que começaram a orar num grupo de oração quando seus filhos eram pequenos, na Educação Infantil, depois no ensino fundamental depois entraram para o ensino médio e, em seguida para a Universidade. 
Alguns grupos continuaram por mais de 20 anos. Imagine as muitas orações respondidas, tanto para os filhos quanto para as escolas.

8. A líder mantém a visão mundial de Mães Unidas em Oração antes de formar seu PGO.
Seu grupo será parte de milhares e milhares de mães orando juntos ao redor do mundo.
As mães querem ser parte de um discipulado abençoado por Deus. Um ministério de multiplicação. Elas querem ser parte de um Ministério onde há colheita e renascimento. Eles querem ser parte de um investimento eterno na vida dos filhos e da escola em todo o mundo.

9 . A líder participa das reuniões de Liderança
Ela será habilitada, encorajada, equipada, bem como receberá atualizações e informações importantes.

QUAIS SERÃO OS RESULTADOS / BENEFÍCIOS DE UM GRUPO FORTE?

As mães terão respostas à oração.
As 
mães vão crescer em sua fé e sua relação com Cristo.
As 
mães vão sentir e saber que o Rei Jesus está sempre presente no seu grupo. Concordando em oração umas com as outras terão suporte espiritual em todas as esferas.
Desejando que a vontade do Mestre seja feita, mostrará total humildade e submissão de cada mãe.
Trabalhando a Sua Palavra, no caráter, nome ou atributo de Deus, cada mãe será fortificada na fé e no conhecimento.
As mães serão comprometidas, tendo fé, coragem e perseverança na oração. 

Quem iria querer perder esta poderosa hora de oração eficaz? 
Elas vão aprender a amar a disciplina e a estrutura da hora de oração. Elas sabem que vão orar e não falar.  As mães se tornarão as maiores relações publicas do Ministério.

ESPERAR DA COLHEITA!
Viver numa atitude de expectativa de grande colheita: salvação dos filhos, transformação, renascimento na sua escola; cada PGO com a escola adotada coberta em oração. Ore por abundância – dupla bênção.

"…até agora (hoje) Eu anuncio que vou restaurar o dobro (duplo) para você." (Zacarias 9:12)

O dobro do número de escolas recebendo orações.
O dobro do número de membros do seu grupo. Vários PGOs. Várias líderes.
Dobrar as oportunidades para falar sobre Mães Unidas em Oração para mães em todos os locais onde estiver: escolas; igrejas, Estudos bíblicos, vizinhos, etc.

Não desista!
A partir de Atos 20:22, ORE para que você dirigida pelo Espírito Santo tendo um profundo senso de dever para com o Mestre que a chamou para servir neste Ministério, apesar de todos os obstáculos, não desista!  Há uma colheita de almas a ser colhida.


Não duvide!
CREIA que Deus está trabalhando - "Porque nós andamos pela fé, não pela vista." (2 Coríntios 5:7)

Nossa oração é para você em Salmo 65:11: "Coroas o ano com a tua bondade, e por onde passas emana fartura..."

Seu campo pode não parecer grande coisa para um olhar destreinado… 
Mas está escondido e há potencial. Grandes coisas podem acontecer. Terra estéril pode tornar-se um campo fértil. Solo infertil de hoje detém colheita de amanhã! 
Colocando energia em coração frio, em um solo vazio não é um desperdício de tempo. Só porque não há nenhuma evidência de vida agora, não significa que nunca poderá acontecer. Há potencial no invisível!

Mas antes da colheita, há trabalho a ser feito. Há sementes a serem plantadas, fertilizante a ser aplicado, ervas daninhas a serem aniquilados e oração a ser feita. É preciso tempo e um monte de trabalho duro.

Que venha o tempo de colheita, TUDO VALE A PENA!!

(Moms in Prayer International/Adaptado por Jane Esther de um artigo de Brian Wechsler)



Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.

Todo filho precisa de uma mãe que ora.

Você já orou pelo seu filho hoje?



contato@maesunidasemoracao.org
WhatsApp: 21 992120548 

(Editora do Blog: Jane Esther Monteiro de Souza de Paula Rosa)

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html 

Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque ”xxxx”

quarta-feira, 22 de abril de 2020

MÃES QUE TRANSFORMAM DOR EM ORAÇÃO


O Ministério Mães Unidas em Oração Internacional tem vivenciado o que a Bíblia nos ensina,  a respeito da mulher virtuosa. Muitas mães virtuosas têm edificado suas casas debaixo de muitas lágrimas, enfrentando dores no silêncio e na oração. Pois, no mundo de hoje, o que mais elas recebem são notícias ruins.

Muitas mães estão com uma espada atravessada no  peito, sem saberem como estão os filhos num mundo secularizado, com valores contrários á fé cristã. Observam os casamentos dos filhos se desmoronando por excesso de individualismo, e a vida sexual dos seus adolescentes sendo desvirtuada por uma cultura promíscua e abominável.

Assim como Maria recebeu a profecia de Simeão, essas mães recebem notícias de que seu filho foi preso por droga, tráfico, roubo, assassinato entre outros delitos ou crimes.

Mães que levantam de madrugada fazem comidas frescas, pegam ônibus e vão visitar seus filhos na cadeia, se sujeitando a constrangimentos, e, mesmo assim, não param de orar por eles dia e noite. Pedem a Deus que os transforma e que se convertam a Jesus Cristo na certeza absoluta de que Deus pode tudo. 

Elas reconhecem que esses filhos foram seduzidos pela ganância, falta de emprego e de condições para sustentarem a família, ou, até mesmo, pelas promessas de dinheiro fácil, dos falsos amigos que são engôdos na vida deles.

Lemos na Bíblia que Maria perdeu e encontrou Jesus no templo. Na caminhada de uma família, quantas mães vivem a perda dos filhos para o mundo, sem saber onde eles estão. Imaginem a dor de uma mãe cujo filho foi sequestrado por Satanás, se tornaram pródigos. Elas jamais se esquecem de seus filhos, o que estão passando, se estão protegidos do mau tempo, dentre  muitos  pensamentos que vêm à cabeça sobre as condições de alimentação, maltrato, abuso sexual.

Como Maria, muitas mães vivenciam um verdadeiro calvário, numa dor silenciosa diante da recusa do filho em seguir um caminho reto, de não querer estudar, até se enveredar por caminhos da ilegalidade. Quantas mães recebem seus filhos sujos, amarrotados pela vida. Outras vivenciam na beira de um leito, o corpo do filho sendo tomado pela doença física, mas permanecem firmes, com sorriso no rosto, mesmo tendo que chorar às escondidas no banheiro. Além das lágrimas, o coração e a mente se angustiam, tentando entender o porquê daquela doença.

Ao depositar o corpo de Jesus no túmulo, Maria vive um momento de impotência genuína. Temos visto esse sentimento em mães que sofrem pelas escolhas erradas feitas por seus filhos e que trarão muitas dores àqueles a quem elas amam tanto. 

Muitos lares assoladas pelas separações, vivem a desestruturação emocional dos filhos, sendo cada dia mais comum as depressões e tentativas de suicídios. Entretanto, isso também ocorre em famílias estruturadas, mas desprovidas de fé, onde o materialismo impera. Diante das dificuldades da vida, os filhos não possuem valores firmes para se segurarem.

Há muitas narrativas reais que retratam essas e tantas outras dores. Mas a diferença é que cremos na ressurreição dos nossos filhos, pela mudança pessoal e pelo poder da oração feito em nome do Senhor Jesus Cristo, que tudo pode, que detém todo o poder. Mesmo na dor, podemos sentir a mão de Deus sobre cada uma de nós, e isso faz diferença na hora de enfrentarmos os sofrimentos. Que possamos nos espelhar nas mulheres da Bíblia e buscar a verdadeira sabedoria para conduzir nossa casa nos momentos de alegria e também de sofrimento.

Viver a vida cristã, quando não temos nenhum problema é fácil, o difícil é continuar firme com fé, coragem, perseverança e resiliência quando estiver passando pelo cadim, sendo provada pelo fogo, no vale da sombra da morte... 


Mas, mesmo no meio de tantas dores, filhos são resgatados das trevas para a luz, pois o Poder de Deus tudo pode.Filhos que deixaram as drogas, a prostituição, os falsos amigos e buscaram uma nova vida. Uma vida em Jesus!

Sim, Ele, o nosso Deus, o Todo Poderoso, esta conosco, SEMPRE! 




Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.

Todo filho precisa de uma mãe que ora
Você já orou pelo seu filho hoje?

contato@maesunidasemoracao.org
WhatsApp: 21 992120548 

(Editora do Blog: Jane Esther Monteiro de Souza de Paula Rosa)

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html

Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher coloque ”xxxx”.

quinta-feira, 16 de abril de 2020

QUALIDADES DA MULHER VENCEDORA: FÉ E ORAÇÃO


Texto Bíblico: Isaías 49:15; Provérbios 14:1

Geralmente toda igreja tem mais mulher do que homem, talvez só nos presídios haja essa exceção. Em qualquer lugar do planeta vai ter nas igrejas mais mulheres do que homens. Em média são 2/3 de mulheres para 1/3 de homens, e em nossa igreja não é diferente. Por que é assim? Porque Deus estabeleceu dessa forma. 


Podemos perceber que em relação as coisas do Espírito a mulher é mais sensível, mas discernidora, mais intensa em Deus e quando entram no padrão que o Senhor estabeleceu, a igreja é forte. Porém quando as mulheres usam o poder que tem para a decadência e imoralidade o país se torna decadente também.

E o Diabo sabedor desse poder da mulher procura se infiltrar no meio das mulheres com enganos e sofismas. A coisa fica pior quando a mulher que é feminina, resolve negligenciar esse principio espiritual e começa a viver uma vida masculina dentro de casa e aí vamos ter um casamento de dois homens dentro de casa onde não há dependência, submissão e neste ponto é que está a raiz dos problemas conjugais e familiares. Neste ponto, famílias são destruídas e igrejas são divididas, tudo por que a mulher não sabe ser mulher. Em Provérbios 14:01 diz que a mulher sábia edifica a sua casa.

O poder da influência da mulher 

A bíblia está repleta de mulheres que foram usadas tremendamente por Deus e através da sua existência marcaram a sua geração, pois foram mencionadas entre os heróis da fé. Podemos ver no exemplo de Sara e Raabe (Hb 11:11 e 11:31). Sara era estéril e mostrou ter muita fé quando não desistiu de ter o filho que o Senhor lhe prometeu. Ela perseverou na crença e aos 90 anos, deu à luz a Isaque, que era o herdeiro da promessa feita a Abraão. A outra, Raabe, a meretriz, creu no Deus dos espias, e por isso os acolheu. Ana também foi um exemplo de mulher de oração (I Samuel 1:10 a 17). Ana tinha uma grande angústia em seu coração: ela era estéril. Nunca poderia gerar filhos.

Ela tomou a atitude decisiva de guerrear no mundo espiritual: orar com toda intensidade, com suas lágrimas, com o coração transparente e sincero. Ana se derramou em súplicas diante de Deus. Ao orar com toda a intensidade de sua alma, Ana agora iria enfrentar um julgamento falso a seu respeito. Era exatamente dessa palavra que Ana precisava: paz e confirmação da vontade de Deus em seu coração. Ela tomou posse da paz, e o texto nos diz que ela, a seguir, seguiu seu caminho e comeu, e já não era triste o seu semblante, aleluia!

Ali, naquele momento aconteceu a cura da alma de Ana. Foi quando se derramou de coração diante do Senhor; quando enfrentou incompreensão e calúnia e manteve-se firme em seu propósito de buscar a Deus, é que Ana experimentou a paz para prosseguir vivendo, crendo e sonhando os sonhos de Deus para si.

Duas qualidades indispensáveis das mães, mulheres que influenciaram sua geração:

1) Fé incomum

Elas expressavam fé em seu estilo de vida (Tiago 2:26). Fé sem ações não é nada. Exemplo: nossos filhos só acreditam em nosso Deus invisível, se visivelmente verem você conversando, suplicando, agradecendo, se alegrando com Deus e tendo uma vida diária com Ele. Os nossos filhos não são tolos, eles imitam nossas ações, sejam boas ou ruins. Se expressarmos nossas ações de fé, eles também farão o mesmo. Em 2 Timóteo 1:1 a 7 Paulo se lembra de duas mulheres que são Lóide e Eunice (avó e mãe de Timóteo). Elas são exemplos, pois foram recordadas por sua fé sem fingimento.


2) Oração incomum

Mateus 15:22 a 28 fala sobre uma mulher que também era mãe e bradou, gritou em favor de sua filha que estava endemoninhada. No verso 23 mostra que os discípulos queriam a despedir, porém ela continuou com a sua insistência e perseverança. Também mostra que Jesus ficou em silêncio: a oração das mulheres que influenciaram gerações também enfrentaram o silêncio do Senhor e a resistência dos homens, porém essa mulher foi intercessora.

Na primeira interrogação de Jesus houve intercessão, onde ela veio e o adorou clamando por socorro (verso 25). Ela se humilhou, se rebaixou e dobrou-se. No verso 26, Jesus faz a segunda interrogação, onde no verso 27 houve humilhação e rebaixamento por sua parte: “Ela, contudo, replicou: Sim Senhor, porém os cachorrinhos comem das migalhas que caem da mesa dos seus donos”. Onde no verso 28 Jesus declara que cumpriu o seu desejo vendo a demonstração de sua grande fé.

Conclusão

Vimos vários exemplos de mulheres que marcaram gerações por seu amor, fé, perseverança, etc. Que nos dias de hoje, possamos tomá-las como exemplo para alcançar nossos objetivos e avançar em nossa vida cristã movendo o coração do Senhor através de nossas atitudes de fé.

(Pr. Rogério Braga)

Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.
Todo filho precisa de uma mãe que ora.
Você já orou pelo seu filho hoje?

www.momsinprayer.org
www.maesunidasemoracao.org
WhatsApp: 21 99212-0548

(Editora do Blog: Jane Esther Monteiro de Souza de Paula Rosa)

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html 

Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque "xxxx"

sexta-feira, 3 de abril de 2020

A INFLUÊNCIA DE MÃE



Muitas vezes desprezamos a influência que as mães têm na transformação do mundo. Mas pessoas famosas se deram conta disto. Por exemplo, Napoleão, imperador da França que disse: "Deixem que a França tenha boas mães e então haverá bons filhos". 

Nos dias de hoje e sempre, é necessário que as mães tenham caráter cristão e eduquem seus filhos no caminho do Senhor (Instrui o menino no caminho em que deve andar, e até quando envelhecer não se desviará dele – Provérbios 22:6). E quando as mães se dão conta disto, da influência que tem na formação do caráter de seus filhos, elas podem fazer toda a diferença.

Nenhuma outra força na vida do filho é tão poderosa em influência como a mãe. Através dos séculos, a mãe tem tido presença marcante na história. O próprio imperador Napoleão disse: "O destino de uma nação está sempre nas mãos da mãe". Nós sabemos que está nas mãos de Deus, mas as mães têm uma influência muito grande no fato de seus filhos seguirem ou não ao Senhor. Muitos homens famosos foram influenciados por suas mães. 

A mãe de John Wesley era uma mulher que buscava todos os dias ao Senhor, embora fosse mãe de 12 filhos. A mãe de Nero, que incendiou Roma e pôs a culpa nos cristãos era gananciosa, sensual, assassina. A mãe pode influenciar seu filho tanto para o bem como para o mal. Ah! Como necessitamos de mães cristãs nos dias de hoje. E quero tomar a palavra de Deus como exemplo disto.

Em 1 Samuel 1:1-22 narra-se o caso marcante de uma mulher que honrou a Deus. Ana de Efraim viveu num tempo em que a nação de Israel estava num estado lastimável. A condição espiritual daqueles dias se assemelha muito com a sociedade corrupta de hoje. Eli, que era o sacerdote, estava tão distanciado de Deus que não conseguia perceber a comunhão de Ana com o Senhor.

Ana não veio de uma cidade grande
A Bíblia nos diz que Ana tinha vindo de uma pequena cidade chamada Ramataim de Zofim... Tudo que sabemos desta cidade é apenas o seu nome, na verdade a cidade nunca mais é mencionada na Bíblia. No entanto, nesta obscura e pequena vila, Deus tinha uma mãe, que desejava servi-lo, portanto Ele teria um profeta.

A oração de Ana 
A esposa de Elcana, era uma mulher que padecia porque não tinha filhos. A ela tinha sido negado o que era considerado a maior glória para uma hebreia: o privilégio de ser mãe. Durante vários anos Ana orara por um filho. Ela ansiava poder levar um bebê consigo na peregrinação anual que fazia a Siló para adorar ao Senhor. Chegada a época da peregrinação, estando ainda sem bebê, seu desapontamento parecia ser maior do que ela podia suportar.

A Bíblia nos mostra que ela estava profundamente amargurada
Ela, pois, com amargura de alma, orou ao Senhor, e chorou muito (1 Samuel 1:10). Então o fardo que ela não podia repartir com amigo algum terrestre, lançou-o sobre Deus. Aqui uma mensagem que não é somente para as mães: Jesus sempre nos convida a deixarmos nosso fardo com Ele: "Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei". (Mateus 11:28). Ana rogou que lhe tirasse a vergonha, e lhe concedesse o precioso dom de um filho para o criar e educar para Ele. Ela fez um propósito com o Senhor de que, se seu pedido fosse satisfeito, dedicaria o filho a Deus desde o seu nascimento. Quando Deus atendeu seu pedido, parece que estava dizendo: "Encontrei uma mãe consagrada, portanto terei um servo dedicado".

Ana orou ao Senhor, e o Senhor ouviu sua oração
Ela recebeu a dádiva pela qual havia rogado tão fervorosamente. Olhando para o filho, chamou-o Samuel - "pedido a Deus". Ela era uma mulher simples, não tinha estudo, não tinha uma faculdade. Suas vestes também eram muito modestas. Mas apesar de tudo isso, Deus ouviu sua oração.

A resposta de Ana
Ana era uma mãe piedosa. Desde o primeiro desapontar da inteligência do filho ela lhe ensinara a amar e reverenciar a Deus e a considerar-se como sendo do Senhor. Por meio de todas as coisas conhecidas que o cercavam, procurou ela elevar seus pensamentos ao Criador.

Depois de separada de seu filho, a solicitude da fiel mãe não cessou
Cada dia ele era objeto de suas orações. Cada ano ela lhe fazia, com suas próprias mãos uma túnica para o serviço. Ao subir com o esposo para adorar em Siló, dava ao menino esta lembrança de seu amor. Cada fibra da pequena veste era tecida com uma oração para que ele fosse puro, nobre e verdadeiro. Não pedia para o filho grandezas mundanas mas rogava fervorosamente que ele pudesse alcançar aquela grandeza a que o Céu dá valor. Ansiava que ele honrasse a Deus e fosse uma bênção para seus semelhantes. Que recompensa teve Ana e que estímulo para a fidelidade é o seu exemplo! Há oportunidade de inestimável valor, interesses infinitamente preciosos, confiados a toda mãe. A humilde rotina dos deveres domésticos que as mulheres as vezes consideram uma fastidiosa tarefa, deve ser encarada como obra grandiosa e nobre. É privilégio de a mãe abençoar o mundo pela sua influência, e fazendo isto trará alegria a seu próprio coração. Ela pode fazer retas veredas para os pés de seus filhos, através de claridade e sombra, em direção às alturas gloriosas do céu. 

Como a mãe forma o caráter do fi
lho?
Só tem um meio da mãe influenciar positivamente seu filho que é seguindo aquilo que Jesus deixou em sua Palavra. O mundo está repleto de influências negativas. A moda e os costumes exercem forte poder sobre os jovens. Se a mãe falta em seu dever de instruir, guiar e restringir, os filhos naturalmente aceitarão o mal e se desviarão do bem. Toda mãe deve ir muitas vezes ao seu Salvador com a oração: "me dá sabedoria"; como fizera Ana. Se ela atender à instrução que Deus dá em Sua Palavra, ser-lhe-á concedida sabedoria conforme necessitar.

Seja uma mãe de oração
Sua vida de oração é o fundamento de um lar cristão.  Ana era uma mãe que orava. Ela orava por um filho e Deus a ouviu. Ela prometeu a Deus que se Ele a abençoasse com uma criança ela o criaria e o educaria para servi-lo. Ela o guiaria no caminho do Senhor.

O maior sermão que nossos filhos podem ouvir é a nossa vida
Somos exemplos. Somos conhecidos pelos frutos (Portanto, pelos seus frutos os conhecereis. Mateus 7:20). Qual é a sua atitude diante de seus filhos? Ela é mesquinha ou generosa? Ela é negativa ou positiva, crítica ou estimuladora, cristã ou incrédula?

Ana possuía uma atitude de louvor!
Ela ensinou seu filho a amar e honrar a Deus. Uma amiga visitante encontrou uma jovem mãe sentada com seu bebê no colo, tendo a Bíblia aberta em sua mão. Ela perguntou: "Você está lendo a Bíblia para o seu bebê?" "Sim", respondeu a mãe. A visitante replicou: "Certamente você não pensa que ele vai entendê-la, não é?" "Não", disse a mãe, "ele não vai entendê-la agora, mas desejo que a sua primeira recordação seja a de estar vendo e ouvindo a Palavra de Deus."

A submissão de Ana
Ana havia feito um voto ao Senhor. Logo que o pequeno teve idade suficiente para separar-se de sua mãe, ela cumpriu seu voto. Amava seu filho com toda a devoção de um coração de mãe. Era seu único filho, uma dádiva especial do céu, mas recebera-o como um tesouro consagrado a Deus, e não queria privar o doador daquilo que Lhe pertencia. Ele deveria tornar-se um servo do Senhor. Mais uma vez Ana viajou com o esposo para Siló. Chegando na casa do Senhor, apresentou ao sacerdote, em nome de Deus, sua preciosa dádiva. Que maravilhoso retrato de uma mãe dedicada a Deus! Ana deu o menino ao Senhor. Não aos negócios, não à sociedade, nem mesmo à sua pátria. Ela o deu ao Senhor!

Muitos grandes homens e mulheres de Deus estão servindo a Cristo hoje não por causa de seu grande talento ou habilidade, mas porque eles tinham uma mãe que os ofertou ao Senhor. À Agostinho, o grande teólogo possuía uma mãe que devotou sua vida para a formação cristã dele e sua conversão a Cristo. Em seus primeiros anos, parecia que seus fervorosos esforços foram todos em vão. Agostinho vivia em pecado e imoralidade; desrespeitou toda e qualquer restrição moral e rebelou-se abertamente contra Deus. Mas um dia padecendo terrível agonia, lembrou-se das orações de sua mãe e arrependeu-se de seus pecados. Ele foi gloriosamente convertido. Certo dia, ele foi levado a dizer: "Se sou teu filho, ó Senhor, foi porque me deste tal mãe.” Sim, é impossível calcular o poder da influência de uma mãe que serve ao Senhor. Ela reconhece a Deus em todos os seus caminhos, leva seus filhos ante o trono da graça e apresenta-os a Jesus, suplicando sobre eles suas bênçãos. A influência dessas orações é para esses filhos como fonte de vida. As orações de uma mãe, oferecidas em fé, são o sustento e a força da mãe cristã. O poder da oração de uma mãe não pode ser calculado.

(Rev. Carlos Henrique de Moraes)

Lembre-se que Mães Unidas em Oração é um Ministério de mãe com mãe..


Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.

Todo filho precisa de uma mãe que ora.

Você já orou pelo seu filho hoje?

www.momsinprayer.org
www.maesunidasemoracao.org
WhatsApp: 21 99212-0548

(Editora do Blog: Jane Esther Monteiro de Souza de Paula Rosa)

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html 

Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque "xxxx"

quarta-feira, 1 de abril de 2020

NÃO SABIA O QUE FAZER PARA LIBERTAR MEU FILHO DO CELULAR



"Meu filho Matheus é o mais novo de três irmãos (16 - 19 - 23). Ele tem 10 anos. Todos  s meus filhos são maravilhosos, crentes, ativos na igreja, graças a Deus!

De tando ver seus irmãos mais velhos com celular e ouvir de seus colegas na escola que ele tinha que ter um celular, nos pediu um de presente.

Eu fiquei muito preocupada e meu esposo também... Mesmo tendo consciência que nossos filhos nasceram em uma época repleto de tecnologia, sabemos que as influências são terríveis.

Ele insistiu muito e, depois de ponderarmos compramos o celular para ele. Descolado, meu filho criou um grupo do WhatsApp para a sua turminha da escola. No início ele estava empolgado com as mensagens,mas com o tempo ele foi ficando totalmente envolvido com o grupo. Claro que ele ama todas as possibilidades tecnológicas, principalmente os aplicativos de jogos. Mas como ainda é uma criança, começamos a perceber uma obsessão pelo celular e pelos jogos.

Primeiro, vimos que a empolgação pelo celular novo era grande, mas com o tempo, começou a tomar conta da vida dele. Não conversava, não estudava, não queria tomar banho, não queria sair, não queria comer... Algo muito estranho... Durante um tempo seu comportamento ia mudando mais e mais...

Estava muito angustiada... Pedi a Deus que me ajudasse, pois não deveria ter dado o celular para meu filho!

Como faço parte do Ministério Mães Unidas em Oração, li uma matéria no blog do Ministério sobre tecnologia e que os pais precisam dar limites aos filhos.

Conversei com as mães de meu PGO - Pequeno Grupo de Oração e pedi que orassem comigo e por mim, pois iria, junto com meu esposo tomar uma atitude com relação ao meu filho e seu celular, antes de fosse tarde!

Marcamos um momento para conversarmos com ele. Explicamos o que estava acontecendo e, que seus irmãos, não estavam dependente do celular como ele estava.  Que não tinha mais condições de continuar daquela forma...

Meu filho sempre foi um menino obediente, dócil, tranquilo...  Após conversarmos e explicarmos a situação, nos colocamos como responsáveis por ele estar tão dependente e e pedimos desculpas a ele. Também dissemos que  não poderíamos deixá-lo usando o celular sem limites.   Falamos que não iríamos tirar o celular dele, mas que ele teria os horários pré-estabelecidos para usar. Caso não obedecesse, aí sim, ficaria sem o aparelho!

Dissemos o horário que ele teria acesso ao celular e que não levaria mais para a escola. Vimos todos os aplicativos que ele estava usando. Meu filho mais velho excluiu  2
jogos, pois estavam na relação de jogos perigosos e inseriu vários jogos simples... Meu filho aceitou e graças a Deus o pesadelo acabou... Ele mudou o comportamento  e esta ciente dos perigos que o mal uso pode causar. Assim, conseguiu alcançar um equilíbrio."

Agradeço a Deus pelas Mães que me ajudaram, pelo abençoado artigo que abriu meus olhos!

Mãe, não dê celular para seu filho quando pequeno... Eles não precisam!

É muito importante para a família, é preservar as outras brincadeiras e o estudo. O problema é que, em muitas casos, a situação sai do controle, e os filhos, tanto pequenos quanto adolescentes são dependentes de tecnologia, e com consequências que comprometem desde a saúde ao desempenho escolar.

E seu filho?

Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.
Todo filho precisa de uma mãe que ora
Você já orou pelo seu filho hoje?

contato@maesunidasemoracao.org
WhatsApp: 21 992120548 

(Editora do Blog: Jane Esther Monteiro de Souza de Paula Rosa)

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html

Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher coloque ”xxxx”.