Ministério Mães Unidas em Oração Internacional - Brasil

Ministério Mães Unidas em Oração Internacional - Brasil
O Ministério Moms In Prayer International, anteriormente conhecido como Moms In Touch / Mães em Contato, chama-se, atualmente, Mães Unidas em Oração Internacional - Brasil. Começou em 1984, em Bristish Columbia, Canadá com Fern Nichols. Atualmente o Ministério está em mais 150 países. É um ministério de oração em favor dos nossos filhos (biológicos, adotivos e espirituais), os colegas deles, suas escolas, professores e diretores para que sejam guiados por altos valores bíblicos e morais e, assim, cobrir todas as escolas do mundo com uma rede de proteção espiritual através da oração. A base do Ministério são as escolas de nossos filhos. (Educação Infantil até a Universidade)

quinta-feira, 30 de janeiro de 2020

CALENDÁRIO NACIONAL DE ORAÇÃO - BRASIL - MÊS DE FEVEREIRO DE 2020

É maravilhoso fazer parte de Moms In Prayer International / Mães Unidas em Oração Internacional - Brasil e conhecer o extraordinário Programa de Oração Mundial em PGOs - Pequenos Grupos de Oração, que Deus deu a uma mãe: Fern Nichols, em 1984, no Canadá, e que já está em mais de 150 países... 

Um Ministério que durante anos tem sido referência na vida de milhões de mães ao redor do mundo!

Louvamos a Deus por mais um mês de oração pela vida de nossos filhos e escolas...

Agradecemos a vocês Mães Unidas em Oração que enviam seus pedidos e, através deles podemos elaborar o Calendário Nacional de Oração que tem norteado cada mãe no seu momento "A Sós com Deus"!
No Momento "A SÓS COM DEUS", a Mãe Unida em Oração escolhe a hora mais apropriada, diariamente, e ora de 3 a 7 minutos por um dos filhos (biológico, adotivo ou espiritual), pela escola e pelo pedido do dia que está no Calendário Nacional de Oração, enviado para todas as Mães que pertencem ao Ministério, em PDF. O Calendário não substitui o encontro semanal de 1 hora dos PGOs - Grupos de Mães Unidas em Oração.

Se a mãe pertence ao Ministério Internacional e não recebeu o seu Calendário Nacional de Oração é só nos enviar um e-mail: contato@maesunidasemoracao.org

Mãe Unida em Oração é apenas instrumento nas mãos de Deus. Quem é digno de toda honra e de toda Glória é o Senhor Jesus Cristo! É Ele quem guerreia "com" e "através" de nós! (Efésios 6: 10-20).

Somos apenas servas!

Lembre-se que Mães Unidas em Oração é um Ministério de mãe com mãe..


Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.
Todo filho precisa de uma mãe que ora.
Você já orou pelo seu filho hoje?

www.momsinprayer.org
www.maesunidasemoracao.org
WhatsApp: 21 99212-0548

(Editora do Blog: Jane Esther Monteiro de Souza de Paula Rosa)

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html 

Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque "xxxx".

quarta-feira, 29 de janeiro de 2020

JESUS LUTA POR NÓS!


"Foi um daqueles momentos que agitaram a minha imaginação. Olhando para cima, para os raios brilhantes de luz que foram fluindo por trás de uma nuvem escura, pensei: "É isso que vai parecer um dia, quando Jesus retorna para nós?" (Breakthrough Luz)

Ao assistir a essa poderosa trecho feixe de luz do céu à terra, parecia que este era um vislumbre da frase da Oração do Senhor que diz: "... venha o teu reino, Sua vontade seja feita, assim na terra como no céu. "A oração pede o nosso todo poderoso Pai celestial para romper a escuridão sem esperança neste mundo e trazer a Sua luz e Sua vontade aos objetivos de nossa oração na terra.


"A luz resplandece nas trevas, e as trevas não a compreenderam." João 1: 5 (NVI)

Você sabia que o nome Jeová Sabaoth (O Senhor dos exércitos ou o Deus dos Exércitos) é usado 290 vezes nas Escrituras? Jesus é o comandante dos anjos guerreiros poderosos do céu que estão em alerta, pronto para lutar, esperando para fazer o seu lance contra as forças das trevas.

Jesus nos disse: "Até agora vocês não pediram nada em meu nome. Pedi e recebereis, e vossa alegria será completa" . João 16:24 (NVI) Nós não devemos ser complacentes ou passivas, porque as palavras de Jesus nos lembra:" ... O que é impossível para o homem é possível para Deus. " Lucas 18 : 27 (NVI)

Como você está ensinando suas Mães Unidas em Oração a orar nas Escritura sobre filhos e escolas para fazer quebrar a escuridão e avançar na vida? E, posso perguntar-lhe, quantas mães você conhece que precisam descobrir a alegria e a paz de vir ao Comandante dos Exércitos do Senhor a cada semana em um Grupo de Mães Unidas em Oração?

Use a Palavra de Deus. a Bíblia Sagrada! Nós, Mães Unidas em Oração, temos um tesouro para compartilhar com outras mães .

Compartilhe com suas mães testemunhos de Oração, talvez você possa recebê-la com um simples café e compartilhar sobre o o que Deus pode fazer através da oração de uma mãe!

Ore a Deus sobre como começar um grupo de Mães Unidas em Oração para que cada uma das escolas sejam cobertas em sua área, para que mais avanços de oração venham acontecer na vida dos estudantes!

Bem-aventurados porque Jesus luta por nós!

Gayle Hadden
Diretora Regional em Heartland
www.MomsInPrayer.org



Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.
Todo filho precisa de uma mãe que ora
Você já orou pelo seu filho hoje?

www.momsinprrayer.org
contato@maesunidasemoracao.org

(Editora do Blog: Jane Esther Monteiro de Souza de Paula Rosa) 

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html

 Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher coloque ”xxxx”.

quarta-feira, 22 de janeiro de 2020

SE ORARMOS COM FÉ!


Em 1 Reis 8.22-53 há uma oração muito bonita de Salomão em favor do povo. Ele desejava, ardentemente, construir uma casa onde Deus pudesse habitar

"Depois Salomão colocou-se diante do altar do Senhor, diante de toda a assembléia de Israel, levantou as mãos para o céu e orou: Senhor, Deus de Israel, não há Deus como tu em cima nos céus nem em baixo na terra! Tu que guardas a tua aliança de amor com os teus servos que, de todo o coração, andam segundo a tua vontade.

Cumpriste a tua promessa a teu servo Davi, meu pai; com tua boca prometeste e com tua mão a cumpriste, conforme hoje se vê. Agora, Senhor, Deus de Israel, cumpre a outra promessa que fizeste a teu servo Davi, meu pai, quando disseste: ‘Você nunca deixará de ter, diante de mim, um descendente que se assente no trono de Israel, se tão-somente os seus descendentes tiverem o cuidado de, em tudo, andarem segundo a minha vontade, como você tem feito’.

Agora, ó Deus de Israel, que se confirme a palavra que falaste a teu servo Davi, meu pai.
Mas será possível que Deus habite na terra? Os céus, mesmo os mais altos céus, não podem conter-te. Muito menos este templo que construí!

Ainda assim, atende à oração do teu servo e ao seu pedido de misericórdia, ó Senhor, meu Deus. Ouve o clamor e a oração que o teu servo faz hoje na tua presença.

Estejam os teus olhos voltados dia e noite para este templo, lugar do qual disseste que nele porias o teu nome, para que ouças a oração que o teu servo fizer voltado para este lugar.


Ouve as súplicas do teu servo e de Israel, teu povo, quando orarem voltados para este lugar. Ouve desde os céus, lugar da tua habitação, e quando ouvires, dá-lhes o teu perdão.

Quando um homem pecar contra seu próximo e tiver que fazer um juramento, e vier jurar diante do teu altar neste templo, ouve dos céus e age. Julga os teus servos; condena o culpado, fazendo recair sobre a sua própria cabeça o resultado da sua conduta, e declara sem culpa o inocente, dando-lhe o que a sua inocência merece.

Quando Israel, o teu povo, for derrotado por um inimigo por ter pecado contra ti, e voltar-se para ti e invocar o teu nome, orando e suplicando a ti neste templo, ouve dos céus e perdoa o pecado de Israel, teu povo, e traze-o de volta à terra que deste aos seus antepassados.

Quando fechar-se o céu, e não houver chuva por haver o teu povo pecado contra ti, e, se o teu povo, voltado para este lugar, invocar o teu nome e afastar-se do seu pecado por o haveres castigado, ouve dos céus e perdoa o pecado dos teus servos, do teu povo Israel. Ensina-lhes o caminho certo e envia chuva sobre a tua terra, que deste por herança ao teu povo.

Quando houver fome ou praga no país, ferrugem e mofo, gafanhotos peregrinos e gafanhotos devastadores, ou quando inimigos sitiarem suas cidades, quando, em meio a qualquer praga ou epidemia, uma oração ou súplica por misericórdia for feita por um israelita ou por todo o teu povo Israel, cada um sentindo as suas próprias aflições e dores, estendendo as mãos na direção deste templo, ouve dos céus, o lugar da tua habitação. Perdoa e age; trata cada um de acordo com o que merece, visto que conheces o seu coração. Sim, só tu conheces o coração do homem. Assim eles te temerão durante todo o tempo em que viverem na terra que deste aos nossos antepassados.

Quanto ao estrangeiro, que não pertence ao teu povo Israel, e que veio de uma terra distante por causa do teu nome — pois ouvirão acerca do teu grande nome, da tua mão poderosa e do teu braço forte — quando ele vier e orar voltado para este templo, ouve dos céus, lugar da tua habitação, e atende o pedido do estrangeiro, a fim de que todos os povos da terra conheçam o teu nome e te temam, como faz Israel, teu povo, e saibam que este templo que construí traz o teu nome.

Quando o teu povo for à guerra contra os seus inimigos, por onde quer que tu o enviares, e orar ao Senhor voltado para a cidade que escolheste e para o templo que construí em honra do teu nome, então ouve dos céus a sua oração e a sua súplica, e defende a sua causa.

Quando pecarem contra ti, pois não há ninguém que não peque, e ficares irado com eles e os entregares ao inimigo, que os leve prisioneiros para a sua terra, distante ou próxima;
se eles caírem em si, na terra para a qual foram deportados, e se arrependerem e lá orarem: ‘Pecamos, praticamos o mal e fomos rebeldes’; e se lá eles se voltarem para ti de todo o coração e de toda a sua alma, na terra dos inimigos que os levaram como prisioneiros, e orarem voltados para a terra que deste aos seus antepassados, para a cidade que escolheste e para o templo que construí em honra do teu nome, então, desde os céus, o lugar da tua habitação, ouve a sua oração e a sua súplica, e defende a sua causa.

Perdoa o teu povo, que pecou contra ti; perdoa todas as transgressões que cometeram contra ti, e faze com que os seus conquistadores tenham misericórdia deles; pois são o teu povo e a tua herança, que tiraste do Egito, da fornalha de fundição.

Que os teus olhos estejam abertos para a súplica do teu servo e para a súplica do teu povo Israel, e que os ouças sempre que clamarem a ti. Pois tu os escolheste dentre todos os povos da terra para serem a tua herança, assim como declaraste por meio do teu servo Moisés, quando tu, ó Soberano Senhor, tiraste os nossos antepassados do Egito".

Essa oração pode ser encarada como um exemplo de intercessão pela nossa própria família, amigos e irmãos.

Primeiramente, Salomão reconheceu que não há ninguém que se compare a nosso Deus (v.23), porque ele é um Deus de amor (v.23), de poder (v.24), fiel a todas as suas promessas (v.24) e grandioso (v.27).

Em seguida, ele pede que Deus atenda seus pedidos (v.28) e supra as necessidades do povo, que eram: proteção, alimento, boa saúde, auxilio na provação e orientação para que eles fizessem o que é direito (vs.36-38).

Ele pede, ainda, para o Senhor escutar a oração do povo, ajudá-lo e perdoá-lo: 'Lá do teu lar no céu, ouve o teu povo... perdoá-lo e ajudá-lo'.

Finalmente, ele revela que o propósito da sua oração é para que todos os povos da terra pudessem conhecer e ficar sabendo que somente o Senhor é Deus e que não existe outro (v.60).

Muitas vezes, nossas orações não são objetivas. Apesar de inúmeras vezes não sabermos orar como convém, podemos confiar que o Espirito Santo intercede por nós diante do trono de Deus. Mas uma oração como esta resume tudo o que ansiamos para o nosso bem estar espiritual, físico e emocional.

Nós também devemos transformar nosso amor e cuidado pela nossa família em orações a seu favor. Somente Deus pode dar a eles tudo de que necessitam, e a nossa intercessão de fé será um testemunho a todos os que nos rodeiam da bondade, graça, grandiosidade de Deus e de seu imenso amor por nós.

(Glenda Machado)

Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.
Todo filho precisa de uma mãe que ora.
Você já orou pelo seu filho hoje?

www.momsinprayer.org
www.maesunidasemoracao.org

WhatsApp: 21 99212-0548


(Editora do Blog: Jane Esther Monteiro de Souza de Paula Rosa)

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html

Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque "xxxx"

sábado, 11 de janeiro de 2020

VOCÊ AMA O BRASIL? AMAR É ORAR

Admoesto-te, pois, antes de tudo, que se façam deprecações, orações, intercessões, e ações de graças, por todos os homens;
Pelos reis, e por todos os que estão em eminência, para que tenhamos uma vida quieta e sossegada, em toda a piedade e honestidade;
Porque isto é bom e agradável diante de Deus nosso Salvador,
Que quer que todos os homens se salvem, e venham ao conhecimento da verdade.
Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem.
O qual se deu a si mesmo em preço de redenção por todos, para servir de testemunho a seu tempo.
Para o que (digo a verdade em Cristo, não minto) fui constituído pregador, e apóstolo, e doutor dos gentios na fé e na verdade.
Quero, pois, que os homens orem em todo o lugar, levantando mãos santas, sem ira nem contenda. – 2 Timóteo 2.1-8

Já me perguntaram várias vezes o que é amar. Em qualquer contexto, uma característica de amor verdadeiro é oração. A mãe – maior exemplo de amor – ora pelo filho. 


Nós amamos o Brasil, devemos orar por ele; apesar dos problemas: a corrupção, desigualdade social, falsas religiões, crentes acomodados, vícios, famílias sem disciplina.

A mãe, que mais sabe dos problemas do filho, consegue enxergar virtudes então devemos ter gratidão a Deus pelo Brasil, afinal, é um país rico de várias maneiras, caloroso, terra de oportunidades. Como podemos demonstrar amor por nosso país, vivendo além da cidadania esperada pelo país?

Amamos a Deus se amamos o Brasil, orando por todos os homens e por seus governantes em todas as esferas: “ Antes de tudo recomendo que se façam suplicas, orações, intercessões, e ações de graças por todos os homens, pelos reis e por todos que exercem autoridade…” Só a oração em amor vence a barreira do preconceito partidário e ideológico.Devemos orar de forma integral, o que inclui, “que se façam suplicas, orações, intercessões, e ações de graças…Quero pois que os homens orem em todo lugar, levantando mãos santas, sem ira, sem discussões” (1,3,8)

Ainda estamos por ver o que Deus pode fazer em uma nação como fruto do amor d´Ele em resposta a oração de seus filhos. Continuamos orando pelo país, pela Igreja Brasileira que precisa de um (re) avivamento que nos leve a amar os não alcançados pelo evangelho, dentro e fora do país. Você ama o Brasil?


Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.
Todo filho precisa de uma mãe que ora.
Você já orou pelo seu filho hoje?

www.momsinprayer.org
www.maesunidasemoracao.org
WhatsApp: 21 99212-0548


(Editora do Blog: Jane Esther M. S. de Paula Rosa)

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html 

Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque "xxxx".

quarta-feira, 8 de janeiro de 2020

QUANDO OS FILHOS ESTÃO NA REDOMA DE ORAÇÃO


“Querida irmã Jane Esther,

Moro em Barueri, SP. Sou membro da Igreja Presbiteriana do Brasil, e estou no Ministério de Mães Unidas em Oração um pouco antes de ter o meu filho caçula hoje com quatro anos. Minha filha mais velha tem 10 anos, a do meio, 6 anos. Eu e meu esposo somos médicos e trabalhamos em um grande hospital aqui em São Paulo.

Participava de outro movimento de oração que eu pensava ser de Moms In Touch/Moms In Prayer International, devido ao livro que tinha lido da Fern Nichols, "Todo Filho Precisa de Uma Mãe que Ora”. Entrei no Site Internacional do Ministério de Oração de Moms In Touch / Moms In Prayer preenchi minha inscrição e, posteriormente a irmã entrou em contato comigo dizendo que a Sede do Ministério de Moms In Touch/Moms In Prayer na Califórnia, havia fornecido meu e-mail. Foi então que recebi todas as informações e agora sou Mãe Unida em Oração! Que privilégio! Que bênção!

O Grupo de oração se reúne em minha casa todas as 6ªs feiras, às 19h e tem sido uma bênção. Atualmente estamos em 12 mães de vários segmentos evangélicos. Dividimo-nos em três grupos um grupo na sala, um na copa e o outro na cozinha.

Como a irmã me orientou, começo com todas, e sempre destaco um dos atributos ou nome ou caráter de Deus e, em seguida nos dividimos para orarmos seguindo os Quatro Passos Para Oração. Deus tem feito uma obra profunda. Devido aos plantões no hospital eu e meu esposo fazemos rodízio para que não prejudique nossas reuniões. Desde que conheci o Ministério, jamais deixei de me reuni. A minha prioridade e de meu esposo são nossos filhos.

Irmã Jane Esther, o relato que passo a fazer agora, recebi da Diretora da Escola onde meus filhos estudam. A irmã pode publicar, gostaria apenas que não divulgasse os nomes, por proteção aos meus filhos e a escola onde eles continuam estudando...

Ano passado, minha filha do meio, com cinco anos, estava na escola. Era uma quinta-feira pela manhã. Na escola trabalhava um rapaz, portador de necessidades especiais. Este rapaz funcionava como um monitor, ajudando na disciplina do pátio. Ele viu quando um professor saiu com uma menininha para os fundos da escola. Na sua inocência o rapaz achou estranha a atitude daquele professor e foi procurar a diretora para falar o que tinha visto. Naquele momento, a diretora estava em reunião com alguns professores. Ele fez sinal para diretora, que queria falar com ela e estava muito nervoso. Imediatamente ela se levantou e foi ver o que ele queria. Ele, então, disse o que tinha visto minutos antes. A diretora se dirigiu aos professores pediu licença por um minuto e foi ao local indicado pelo rapaz. O almoxarifado ficava um pouco distante da sala da diretora. Na hora que ela entrou no almoxarifado, encontrou a menininha sentada em uma mesa, com a saia levantada e o professor abrindo o zíper. Ela quase morreu de susto. Percebeu que estava diante de um professor pedófilo!

Imediatamente, sem alarde ela tomou as providências inerentes aquela situação terrível... Logo após, ela telefonou para mim, que estava no hospital, e pediu para que eu fosse a Escola... Assim que cheguei a diretora me colocou a par de tudo que tinha acontecido... Aquela menininha, irmã Jane Esther era a minha filha, minha filha!

Comecei a chorar de emoção por sentir o grande amor de Deus para com a minha filha. Por ter preservado a integridade física dela, pelo livramento!

Glórias sejam dadas ao Senhor nosso Deus. Obrigada minhas queridas Mães Unidas em Oração! Nós Cremos no Poder da Oração! A nossa Arma é a Oração! O professor foi afastado e indiciado, enfim os tramites cabíveis. Tudo voltou ao normal.

Tenho clamado a Deus como diz divisa de nosso Ministério: “Derrama o teu coração com água diante do Senhor; levante a Ele as tuas mãos, pela vida de teus filhos”! Nada aconteceu porque os anjos do Senhor estavam cuidando dela. Deus tocou no coração daquele rapaz, tocou no coração da diretora e salvou minha filha daquele pedófilo. Deus seja louvado.

Por último, irmã Jane Esther, minha filhinha não tem noção do livramento de Deus. Perguntei depois a ela, porque ela foi com o professor até a salinha no fundo da escola e ela disse que ele tinha uma caixa de bombom para ela. Este professor era muito querido na escola e ninguém sabe o porquê da atitude dele. Meus filhos continuam estudando na mesma escola, pois o perigo está em todo lugar... Agora a vigilância está redobrada e todo cuidado ainda é pouco. Deus é fiel! Ele livrou minha filha! Aleluia!

Para terminar, quero dizer que meses antes, eu e mais seis Mães Unidas em Oração estivemos conversando com a Diretora da Escola sobre o Ministério de Mães Unidas em Oração, e que a base eram as escolas e que, por meus filhos estudarem ali, aquela escola estava na Rede Mundial de Oração. Ela não permitiu que fizéssemos nada na Escola. Voltamos para casa e eu telefonei para a irmã. A irmã disse que não era “por força, nem por violência, mas pelo Espírito Santo de Deus”. Que nós éramos instrumentos nas mãos de Deus é que, se Deus quisesse Ele iria mover o coração da Diretora. Disse que continuássemos orando, pois, Deus iria fazer uma grande obra ali...

Foi o que aconteceu, irmã Jane Esther. Quem pode esquadrinhar os desígnios de Deus? Quem pode alcançar o que Ele quer fazer?

Hoje, a Diretora abriu as portas da Escola para o Ministério de Mães Unidas em Oração! Deus seja louvado!

Mães, não deixem de colocar seus filhos na Rede Mundial de Oração, pois quando nossos filhos estão na redoma de Oração, o inimigo não tem nenhum poder sobre a vida deles!

Irmã Jane Esther, muito obrigada por todo apoio.”



(L. M. T. Almeida - Mãe Unida em Oração - Barueri, SP  - Testemunho postado com autorização da mãe)



Mães Unidas em Oração, filhos protegidos. 

Todo Filho precisa de Uma Mãe Que Ora! 

Você já orou pelo seu filho hoje? 


contato@maesunidasemoracao.org
WhatsApp: 21 992120548 

(Editora do Blog: Jane Esther Monteiro de Souza de Paula Rosa)

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html

Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque ”xxxx”.

domingo, 5 de janeiro de 2020

EU ERA FELIZ E NÃO SABIA...



"Meu testemunho..

O que passo a relatar agora é o agir de Deus em minha vida e na vida de meu esposo. Fomos criados na igreja e, com 19 anos me casei. Fomos morar em São Paulo. Meu esposo, após cursar a faculdade de medicina, sentiu o chamado para o ministério da palavra. Fez o seminário e foi consagrado pastor. Sabia da responsabilidade que tinha como esposa. Temos cinco filhos: Ana Clara, Ana Maria, André, Ana Júlia e Ana Sofia.

Durante uma visita a meus pais, no Rio de Janeiro, no ano de 2004, participei de um encontro, na Igreja Batista do Méier, Rio de Janeiro, RJ onde a irmã Heloiza Pimentel falou sobre o Ministério de Mães Unidas em Oração. Foi um dia maravilhoso. Meus filhos eram pequenos. Comecei o Ministério com mais algumas mães, em minha igreja. Eu não fazia nem idéia do que eu e minha família enfrentaríamos nos anos seguintes. Meus filhos sempre participaram das atividades da igreja, EBD, Equipe de louvor, Coro infantil, juvenil, esportes, EBFs, etc...

Passados mais alguns anos, começamos a perceber que nossa filha Ana Maria, com 16 anos estava mudando muito rápido de comportamento. Estava terminando o ensino médio. Tinha duas colegas que estavam levando nossa filha para o abismo. Começou a namorar um rapaz e nos tratava de maneira agressiva. Estávamos aflitos. Não queria mais ir à igreja, nem participar de nada. Não obedecia mais. Certo dia, meu esposo foi conversar com ela e foi então que tudo aconteceu. Ele tentou ajudá-la. Queria saber como agir, visto que, não sabíamos mais o que fazer. Ela disse que iria cuidar da vida dela e que não precisava mais de babás. Meu esposo ficou profundamente triste e disse que já que ela pensava assim, que ela fosse cuidar da própria vida, pois enquanto vivesse debaixo do mesmo teto que ele deveria obedecê-lo. Foi um horror. Ela enfrentou o pai e disse que não via a hora de ir embora. Ele disse que ela ficasse a vontade para seguir o caminho dela. Ela arrumou uma mochila e disse que ia embora com uma das colegas que também não suportava mais os pais. Meu esposo não se opôs. Meus outros filhos estavam todos tristes com o comportamento da irmã. Não tomaram partido. Ela partiu. Não deu mais notícias.

Procuramos saber com os pais de uma das colegas que também foi embora e eles também não tinham notícias. Apenas sabíamos que ela tinha ido para Belo Horizonte morar em um albergue e que estava trabalhando em uma fábrica. Em todas as reuniões de nosso Grupo de Mães Unidas em Oração, orávamos por ela. Muitas noites ficamos sem dormir, pois não tínhamos notícias. Não sabíamos nada do que estava acontecendo com ela. Meu esposo sofria calado. Meus filhos estavam tristes.

Bem, continuamos nossa jornada na igreja e clamando a Deus pela vida de Ana Maria no Grupo de Oração de Mães Unidas em Oração. Ela nunca telefonou. Não dava notícias. Um dia, depois de quatro meses, o telefone tocou e era ela. Foi uma emoção sem fim. Ela perguntou se estava tudo bem. Perguntou pelo pai, pelos irmãos, pela igreja... Eu disse que estava tudo bem. Ela disse que tinha telefonado para saber notícias e que estava tudo bem com ela. Estava trabalhando e estava muito feliz. Perguntei onde estava morando, para ela pelo menos me dar um telefone de contato e ela disse para eu não me preocupar... Em seguida desligou o telefone. A dor foi terrível. Nunca imaginei passar por uma situação dessas. Minha família, igreja, amigos... Todos estavam solidários...

Passados mais três meses, já perto dela completar 17 anos, ela telefonou e perguntou se poderia voltar para casa. Eu disse que iria falar com o pai dela sobre o assunto. Foi então que ela começou a chorar no telefone e disse que todos a abandonaram. Que estava sozinha. Não tinha para onde ir. Estava passando fome e que estava entrando no oitavo mês de gravidez. Quase enfartei. Não acreditava no que estava ouvindo. Pedi a ela que aguardasse um pouco e que me retornasse a ligação em duas horas. Clamei ao Senhor Jesus! Foi neste momento que telefonei para a irmã pedindo uma orientação. A irmã, usada por Deus disse que era para eu ajudá-la. Estender a mão, afinal era nosso primeiro neto e ele não tinha culpa de nada. Eu estava preocupada com meu esposo que estava na igreja. Qual seria a reação dele. A irmã me disse que Deus estava preparando tudo. Que era para eu telefonar para ele e pedir que viesse para casa, pois surgiu algo de extrema importância... Assim eu fiz... Quando meu esposo chegou compartilhei com ele o ocorrido e ele chorou amargamente. Foi de partir o coração. Pouco tempo depois o telefone toucou, meu esposo atendeu, eles conversam e ela pediu perdão e voltou...

Demos todo apoio! Muitas lutas tivemos! Ela teve pré-eclampse. Quase morreu no parto. Teve hemorragia.

Hoje estamos com nossa netinha, Ana Beatriz. Ela mudou de vida. Esta estudando, trabalhando e cuidando da filha. Voltou para os caminhos do Senhor e disse que era feliz e não sabia.”

Ana Cristina de Souza Pacheco Tavares
(Mãe Unida em Oração - São Paulo, SP)


Mães Unidas em Oração, filhos protegidos. 
Todo filho precisa de uma mãe que ora. 
Você já orou pelo seu filho hoje? 


contato@maesunidasemoracao.org 


(Editora do Blog: Jane Esther M. S. de Paula Rosa) 

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html 

Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque "xxxx".

sábado, 4 de janeiro de 2020

OLHOS DESVENDADOS. VIDA MUDADA!


"Mães...

Fui criada na Igreja Presbiteriana em Aracaju, SE. Participava das atividades da igreja e ajudava no que fosse necessário, mas nunca fui uma pessoa comprometida com Jesus Cristo.

Quando conheci meu esposo, um jovem temente a Deus, eu estava com 19 anos. Logo depois nos casamos. Eu vivia para os estudos e trabalho. Fiz engenharia agronômica durante seis anos, pós-graduação, mestrado e, por fim, fiz o doutorado. Temos uma filha de 15 anos e um filho de 12 anos.

Até o dia do incidente narrado mais abaixo, eu dava aulas e gostava de estar na universidade o tempo todo. Quando chegava em casa passava a maior parte no computador, preparando meus trabalhos e atividades docentes. Meu esposo, fiel companheiro, sempre me alertava a respeito do meu descaso com meus filhos e com a Igreja. Estava colocando a minha carreira em primeiro lugar. Meus filhos foram sendo criados dentro de um padrão de classe média alta. Tinham tudo que queriam. Por não ter tempo, tudo o que eles pediam eu dava.

Um dia, minha filha chegou de um encontro jovem da Igreja. Eu percebi que ela estava muito abatida, pálida. Cheguei perto dela e perguntei se ela estava sentindo alguma coisa. Ela disse que era para eu não me preocupar, que estava bem. Disse que eu nunca me preocupei com ela e que, agora, não deveria ser diferente.

Sabe, irmã Jane Esther, eu não parava para conversar com meus filhos. Esta tarefa, quase sempre, era de meu esposo ou da empregada. Meu relacionamento com eles era importante, mas o trabalho era prioritário e consumia muito meu tempo. Naquele dia, foi diferente. Meu coração apertou.

Na hora do jantar, minha filha não desceu. Fui ao seu quarto e ela estava desmaiada. Imediatamente, meu esposo e eu fomos para o hospital. Lá foram feitos alguns exames e foi diagnosticado um coágulo em seu cérebro, devido a algum trauma que ela havia sofrido. Minha rotina mudou. Numa fração se segundo, a vida de minha filha estava por um fio. Ela entrou em coma. Os médicos estavam fazendo de tudo para salvá-la, fazendo o que podia para não deixar nenhuma sequela. Minha vida mudou completamente!

Em minha igreja tinha um grupo de oração de “Mães Unidas em Oração” que fora implantado pelas irmãs da igreja Metodista. Muitas vezes fui convida a participar, mas não queria assumir responsabilidades. Olha irmã Jane, procurei a Líder do Grupo, que já sabia o que estava acontecendo com minha filha e começamos uma batalha de oração pela vida dela. Durante o tempo que ficou hospitalizada, busquei o Autor da Minha Fé - Jesus Cristo – Aquele, com Quem eu não estava comprometida. Ele me sustentou, me deu paz e, depois de algumas semanas, minha filha foi operada. Hoje Ela está bem e não teve nenhuma sequela.

Participo do Ministério de Mães Unidas em Oração há dois anos. Hoje eu posso dizer que eu “Creio no Poder da Oração!”

Hoje, não abro mão de Jesus Cristo, da minha família e da minha igreja. Elas são as minhas prioridades. Tudo mais vem depois.



Maria Eduarda Gomes Albuquerque - Aracaju, SE

(Este testemunho foi publicado com autorização expressa da mãe. Os nomes são omitidos para preservar o sigilo dos filhos.)


Mães Unidas em Oração, filhos protegidos. 

Todo filho precisa de uma mãe que ora. 

Você já orou pelo seu filho hoje? 


contato@maesunidasemoracao.org 
WhatsApp: 21 00212-0548

(Editora do Blog: Jane Esther M. S. de Paula Rosa) 


IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html

Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque "xxxx".

sexta-feira, 3 de janeiro de 2020

MAS AFINAL, O QUE É JEJUM?


Todo cristão deveria reconhecer a importância da oração na sua caminhada com Deus. Em Romanos 12:12 o apóstolo Paulo nos orienta a perseverarmos na oração, tanto nos momentos em que tudo vai bem, quanto nos momentos difíceis. A oração, com certeza, é algo que traz paz e comunhão com Deus.

No entanto, existe outra arma muito eficiente, porém, pouco usada por nós: o jejum. Enquanto a oração é uma prática comum (ou pelo menos deveria ser) na vida do cristão, ainda são poucos que entendem a importância do jejum. Infelizmente, a falta de entendimento leva as pessoas ao extremo. Algumas colocam o jejum acima da Bíblia e da razão, achando que ele é a coisa mais importante de todas. Outros o desconsideram por completo, achando que o jejum não serve para nada e que Deus não se importa com isso.


A verdade é que o jejum não é o ato mais importante do cristão, mas também não é algo para ser desprezado. Ele é um meio de graça, ordenado pelo próprio Deus, que se for praticado da forma correta, certamente trará muitas bênçãos para nós!

Mas afinal, o que é jejum?

Jejum é a abstinência de alimentos por um tempo determinado, com o propósito de intensificar a busca pela presença de Deus. É importante lembrar que jejum não é simplesmente ficar sem comer (isso é dieta ou greve de fome), mas é uma decisão de deixar os desejos de sua carne em segundo plano para fortalecer o seu espírito através da oração e leitura da Palavra. Paulo disse: "Portanto, irmãos, rogo-lhes pelas misericórdias de Deus que se ofereçam em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, este é o culto racional de vocês" (Romanos 12:1).

Vale lembrar também que jejum não é barganha, onde Deus será obrigado a nos abençoar se o fizermos. Aliás, o principal motivo do jejum é mudar a nós mesmas, pois ele nos ajuda a termos disciplina e santidade na caminhada cristã, trazendo com isso, a presença de Deus de forma muito mais intensa.

Na Bíblia vemos muitos tipos de jejum. Por exemplo, Moisés, Elias e Jesus receberam uma capacitação sobrenatural de Deus e jejuaram sem interrupção por quarenta dias e quarenta noites (Deuteronômio 9:18; 1 Reis 19:8; Mateus 4:2). Entretanto, o tempo de jejum mais encontrado na Palavra de Deus é de um dia, da manhã ao anoitecer. Esse era o jejum mais comum entre os primeiros cristãos.

Muitas pessoas, por terem problemas de saúde ou fraqueza física, escolhem se alimentar pouco, comendo menos do que o normal. Embora não tenha nenhum exemplo bíblico sobre esse tipo de jejum, não podemos dizer que ele não tem valor, porque Deus vê a capacidade e intenção de cada um. Há um outro tipo de jejum que é abrir mão de alimentos agradáveis, como por exemplo, o que Daniel e seus amigos fizeram (Dn 1:8,12). Eles não queriam se contaminar com a porção de carne e vinho do rei, com isso pediram e tiveram permissão para comer só vegetais e beber apenas água. As pessoas que geralmente fazem o jejum de Daniel, não comem carne, doces e nem pão. Elas comem frutas e legumes e bebem água e suco durante 21 dias.

Por que fazer jejum?

1. Jejum nos ajuda a vencer o pecado

Muitas pessoas tementes a Deus sabem que tem pecado com frequência, levado uma vida espiritual relaxada e isso as tem prejudicado. Com isso, elas voltam a cometer pecados que já tinham vencido, como sensualidade, bebedices, inveja, discussões etc - que são pecados da carne (Gálatas 5:19-21) e sabem que estão desagradando ao Senhor. Então decidem fazer um jejum para voltar ao equilíbrio e controlar a sua alma novamente.

2. Jejum é um meio de evitar a ira de Deus

No Antigo Testamento, a ira de Deus é uma resposta à desobediência e o pecado do homem, pois Ele é santo e perfeito. Então a Sua ira vinha com frequência por causa da idolatria e desobediência aos Seus mandamentos. No entanto, Ele providenciou uma maneira das pessoas receberem o Seu favor - o arrependimento. Vemos isso claramente na vida do rei Acabe. A Bíblia diz que ele se corrompeu fazendo o que não agradava a Deus, influenciado por sua mulher Jezabel. Mas ele se arrependeu, rasgou suas vestes, vestiu pano de saco (que era um costume da época) e jejuou. Depois disso, Deus disse a Elias: "Você notou como Acabe se humilhou diante de mim? Visto que se humilhou, não trarei essa desgraça durante o seu reinado, mas durante o reinado de seu filho" (1 Reis 21:29). Para evitar a ira de Deus, nós vemos que Daniel também buscou ao Senhor com jejum (Dn 9:16-19).

Mas não é só com o povo de Deus que aprendemos sobre o jejum. Com os pagãos aprendemos que a ira de Deus é removida daqueles que decidem buscá-Lo com oração e jejum. Quando Jonas declarou: "Daqui a quarenta dias Nínive será destruída", o povo de Nínive proclamou um jejum. Até o rei daquela cidade se levantou do trono, deixou de lado o manto, cobriu-se de saco e sentou-se sobre cinzas. Ele ordenou um jejum por toda Nínive e fez um decreto: "Não é permitido a nenhum homem ou animal, bois ou ovelhas, provar coisa alguma; não comam nem bebam!" Não que os animais tivessem pecado ou pudessem se arrepender. Mas porque ele pensava que, pelo exemplo deles, todos os homens pudessem entender que a ira de Deus viria sobre todas as criaturas. Graças ao jejum acompanhado de arrependimento, a ira de Deus foi afastada. - "Deus viu o que eles fizeram e como abandonaram os seus maus caminhos. Então Deus não os destruiu como tinha ameaçado" (Jonas 3:10).

No Novo Testamento, vemos Jesus ensinar que Deus se ira contra o pecado. A história do rico e Lázaro fala do julgamento e das graves consequências para o pecador que não se arrepende (Lucas 16:19-31). Ele também disse: "Quem crê no Filho tem a vida eterna; já quem rejeita o Filho não verá a vida, mas a ira de Deus permanece sobre ele" (João 3:36). Por isso, é importante entender que o jejum é apenas um meio para te ajudar a se consagrar, mas ele não retira a ira de Deus sobre você. Para isso, você deve crer em Jesus e O receber como seu Salvador, pois somente aqueles que foram cobertos pelo sangue de Cristo derramado na cruz, podem estar seguros de que a ira divina nunca cairá sobre eles. Romanos 5:19 diz: "Como agora fomos justificados por seu sangue, muito mais ainda seremos salvos da ira de Deus por meio dele!" 

3. Jejum é um meio para alcançar bênçãos

Quando outras tribos foram destruídas diante dos benjamitas, todo o povo de Israel subiu ao templo e jejuou até o anoitecer. Então Deus disse: "Vão, pois amanhã eu os entregarei nas suas mãos". (Juízes 20:26). Em outra situação, Samuel reuniu o povo de Israel. Eles estavam sob o domínio dos filisteus e jejuaram naquele dia. Quando os filisteus se aproximaram para a batalha, o Senhor trovejou sobre com um grande estrondo. Os filisteus ficaram desnorteados e foram destruídos diante de Israel.

No Novo Testamento, os apóstolos sempre uniam o jejum à oração quando precisavam da bênção de Deus em alguma decisão importante. Por exemplo, "Na igreja de Antioquia havia profetas e mestres [...] Enquanto adoravam o Senhor e jejuavam, disse o Espírito Santo: ‘Separem-me Barnabé e Saulo para a obra que os tenho chamado’. Assim, depois de jejuar e orar, impuseram-lhe as mãos e os enviaram" (Atos 13:1-3).

Jesus também ensinou que o jejum pode trazer bênçãos sobrenaturais. Certa vez os discípulos O perguntaram sobre um demônio teimoso que não queria ser expulso: "’Por que não conseguimos expulsá-lo?’ Ele respondeu: ‘Porque a fé que vocês tem é pequena. Eu lhes asseguro que se vocês tiverem fé do tamanho de um grão de mostarda, poderão dizer a este monte: ‘Vá daqui para lá’, e ele irá. Nada lhes será impossível. Mas esta espécie só sai pela oração e pelo jejum" (Mateus 17:19). Por isso, vemos que para conseguir aquela fé no qual certos tipos de demônios não resistem, nós precisamos do jejum.

Vimos acima alguns motivos porque devemos jejuar e não devemos achar que o jejum não é importante para Deus. Você sabia que quando Jesus falou sobre o jejum, Ele o colocou no mesmo nível da oração? Ao falar aos seus discípulos sobre essas duas armas espirituais, Ele usou a palavra "quando" e não a palavra "se". Ou seja, orar e jejuar não são escolhas que podemos ou não fazer, mas sim ordens a serem cumpridas. Veja:

"E quando vocês orarem, não sejam como os hipócritas. Eles gostam de ficar orando em pé nas sinagogas e nas esquinas, a fim de serem vistos pelos outros. Eu lhes asseguro que eles já receberam sua plena recompensa. Mas quando você orar, vá para seu quarto, feche a porta e ore a seu Pai, que está no secreto. Então seu Pai, que vê no secreto, o recompensará. E quando orarem, não fiquem sempre repetindo a mesma coisa, como fazem os pagãos. Eles pensam que por muito falarem serão ouvidos. Não sejam iguais a eles, porque o seu Pai sabe do que vocês precisam, antes mesmo de o pedirem."

"Quando jejuarem, não mostrem uma aparência triste como os hipócritas, pois eles mudam a aparência do rosto a fim de que os homens vejam que eles estão jejuando. Eu lhes digo verdadeiramente que eles já receberam sua plena recompensa. Quando jejuar, ponha óleo sobre a cabeça e lave o rosto, para que não pareça aos outros que você está jejuando, mas apenas a seu Pai, que vê no secreto. E seu Pai, que vê no secreto, o recompensará" (Mateus 6:5-8, 16-18).

Há muitas recompensas de Deus para você através do jejum, mas ele deve ser feito da maneira correta, com a intenção correta. O jejum deve ser feito para o Senhor e nunca para mostrar aos outros o quanto somos espirituais! O jejum é para expressar a vergonha pelos nossos pecados, para matar a nossa carne, evitar a ira de Deus e nos ajudar a receber as bênçãos e promessas que Ele nos fez através de Jesus.

O ato de jejuar nos fortalece espiritualmente e libera o poder de Deus em nossas vidas de uma forma extraordinária! Contudo, a nossa postura ao praticar o jejum deve ser de total comunhão com Deus e com o próximo, caso contrário, ele não será eficaz. Veja o que Deus disse ao povo de Israel:

"...Dia a dia me procuram; parecem desejosos de conhecer os meus caminhos, como se fossem uma nação que faz o que é direito e que não abandonou os mandamentos do seu Deus. Pedem-me decisões justas e parecem desejosos de que Deus se aproxime deles. ‘Por que jejuamos’, dizem, ‘e não o viste? Por que nos humilhamos, e não reparaste? ’ Contudo, no dia do seu jejum vocês fazem o que é do agrado de vocês, e exploram os seus empregados. Seu jejum termina em discussão e rixa, e em brigas de socos brutais. Vocês não podem jejuar como fazem hoje e esperar que a sua voz seja ouvida no alto. Será esse o jejum que escolhi, que apenas um dia o homem se humilhe, incline a cabeça como o junco e se deite sobre pano de saco e cinzas? É isso que vocês chamam jejum, um dia aceitável ao Senhor? O jejum que desejo não é este: soltar as correntes da injustiça, desatar as cordas do jugo, pôr em liberdade os oprimidos e romper todo jugo?” (Isaías 58:2-6).

Perceba que o povo de Israel estava buscando ao Senhor. Eles queriam se aproximar dEle e conhecer os Seus caminhos, por isso jejuaram. No entanto, Deus não aceitou o sacrifício deles, pois não havia mudança em seus corações. Eles não abondaram o pecado nem se preocuparam com as necessidades dos outros. Eles se esqueceram de que o jejum deve ser acompanhado de obediência e arrependimento, senão ele perde o seu valor.

Por isso, sempre que você for jejuar, peça ao Senhor para mudar o seu coração, para que você O agrade cada vez mais. E não se esqueça das palavras de I Samuel 16:7: "O homem vê o que está diante dos olhos, porém o SENHOR olha para o coração." 

(Site: novo amanhecer)

Que hoje, nesse Dia Mundial de Oração e Jejum, todas nós, Mães Unidas em Oração  Internacional estejamos com os nosso corações puros e sinceros quebrantados diante do pai, para que alcancemos misericórdia para nós e nosso amados.

Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.
Todo filho precisa de uma mãe que ora.
Você já orou pelo seu filho hoje?

www.momsinprayer.org
www.maesunidasemoracao.org
contato@maesunidasemoracao.org
WhatsApp: 21 99212-0548

(Editora do Blog: Jane Esther Monteiro de Souza de Paula Rosa)

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html 

Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque "xxxx".

quarta-feira, 1 de janeiro de 2020

UMA PALAVRA DE ENCORAJAMENTO!



Pedi ao Senhor uma palavra de encorajamento para cada uma de nós, e é esta palavra que Ele me deu esta manhã.

Li Hebreus 11, o capítulo da fé e fui incentivada e desafiada novamente por esses gigantes da fé munidos de tenacidade, coragem, perseverança e fé que são exemplos para todas nós.

Eles eram combatentes e não permitiam que o desânimo escurecesse o brilho de sua fé. A qualidade perseverante de seus corações e o fato de que eles mesmos estando nas tempestades, nas lutas, recusaram-se a ficar longe da promessa de Deus. Seus corações estavam cheios de prazer de estar andando com Deus. Deus alterou a história e as nações mudaram através do poder de sua fé.

Minhas queridas Mães Unidas em Oração de todo o Brasil, o que Deus está fazendo é através da nossa fé e o compromisso com Ele incentivemos as mães a orarem por seus filhos e escolas. Ele está alterando a história e mudando nossas através do poder da nossa fé. Que pensamento maravilhoso... Ele deseja nos usar cada vez mais e eu O louvo por isso!

Vamos pedir a Deus, para termos mais confiança, mais fé, para que Ele não permita que o desânimo escureça o brilho da nossa fé (porque sabemos que Satanás está tentando fazer isso diariamente). A oração é realmente o maior poder através do qual o amor é liberado. Oh, que alegria é fazer parceria com todos vocês por nosso país. Continuemos a liberar o amor e o poder de Deus através de nossa liderança e oração.

Obrigada, muito obrigada por suas vidas e seu compromisso contínuo. Eu amo muito todas vocês e estamos felizes pela expansão do Ministério Mães Unidas em Oração em todo o nosso Brasil!

Abraços a cada uma de vocês!

Jane Esther
Coordenadora Nacional



Mães Unidas em Oração, filhos protegidos. 
Todo filho precisa de uma mãe que ora. 
Você já orou pelo seu filho hoje? 

www.momsinprayer.org 
www.maesunidasemoracao.org 

WhatsApp: 21 99212-0548


(Editora do Blog: Jane Esther M. S. de Paula Rosa)

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html

Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher um espaço, coloque "xxxx".

8 DE JANEIRO DE 2020 - DIA MUNDIAL DE ORAÇÃO E JEJUM - MOMS IN PRAYER INTERNATIONAL


FOLHA DE ORAÇÃO
TRANSBORDANDO DE ESPERANÇA

“Que o Deus da esperança os encha de toda alegria e paz, por sua confiança nele, para que vocês transbordem de esperança, pelo poder do Espírito Santo.” (Romanos 15:13)


Louvor: Louvemos o Deus da Esperança
Atributo: Deus da Esperança - Aquele que é nossa confiança, expectativa ou desejo, em quem confiamos.
Referências bíblicas: Salmo 130:1-5; Jeremias 29:11; Efésios 1:18-19a; 1 Pedro 1:3-5)

Confissão: Em silêncio, confessando seus pecados a Deus que perdoa.
 “Pois todos pecaram e carecem da glória de Deus.” (Romanos 3:23)
• Confesse seus pecados, de forma específica, em silêncio para Deus que perdoa.
Arrependa-se, abandone o pecado. 
• Agradeça a Deus por ter perdoado o seu pecado.
• Peça para ser controlada pelo Espírito Santo, entregando a sua vontade a Deus.
 Referência bíblica: Romanos 3:23

Ação de graças: Graças a Deus pelo que Ele fez. 
Referência bíblica: “Louvem ao Senhor por seu amor infalível, e por seus maravilhosos feitos pela humanidade.” (Salmo 107:8)
• Por uma gratidão que você recebeu. (cite para Deus a gratidão)
• Por uma gratidão de seu filho(a). (cite para Deus a gratidão)
• Graças a Deus pelo aumento dos pelos novos PGOs - Pequenos de Grupos de Oração.
• Pelas escolas adotadas e que estão cobertas pela oração
• Gratidão pela liderança de Mães Unidas em Oração Internacional - Brasil
• Graças a Deus por enviar Moms In Prayer International para mais de 150 países ao redor do mundo.
• Graças a Deus que nosso Livro Básico estar traduzido para mais de 60 idiomas.

Intercessão: Buscar a Deus em oração...
1. Pelos Filhos, diretores, professores e funcionários salvos:
Referências bíblica: Romanos 15:13, Efésios 3:16-19
Que o Deus da esperança encha ________ com todo gozo e paz ao confiarem nEle, para que transbordem com esperança pelo poder do Espírito Santo.
Peço a Deus que, da riqueza de sua glória, por meio do seu Espírito, dê a ________ poder para que sejam espiritualmente fortes.
Peço também que, por meio da fé, Cristo viva no coração deles. E oro para que ________ tenham raízes e alicerces no amor, para que assim, junto com todo o povo de Deus, eles possam compreender o amor de Cristo em toda a sua largura, comprimento, altura e profundidade. Sim, embora seja impossível conhecê-lo perfeitamente, peço que eles venham a conhecê-lo, para que assim Deus encha completamente o ser deles com a sua natureza.
Pontos específicos: reavivamento espiritual; que sejam luz nas trevas; um andar digno; que “vistam” a Cristo; que a Palavra habite neles ricamente; que sejam uma arma de justiça para Deus; que amem uns aos outros; união; compartilhar a fé com ousadia; compaixão; outros ….

2. Pela salvação de filhos, diretores, professores e funcionários perdidos:
Referências bíblica: Romanos 10:9
Que _____ declare com sua boca, “Jesus é o Senhor,” e creia em seu coração que Deus o ressuscitou dos mortos, e seja salvo.
Pontos específicos: retorno dos filhos pródigos; reavivamento espiritual; cansado/insatisfeito com o mundo e busque/ache a Cristo; olhos sejam abertos e volte-se a luz e a Deus, outros…
3. Pelos diretores, Professores, administradores, conselho escolar, presidentes e conselho de universidades:
Referências bíblica: 1 Timóteo 2:2-4
Oramos por reis e todos aqueles em posição de poder, que possamos viver uma vida calma e pacífica, com dedicação a Deus e respeito aos outros. Isso é bom, e Deus, nosso Salvador, que quer que todos sejam salvos e venham a conhecer a verdade, gosta disso.
Pontos específicos para escolas/campus: resgate o território dado ao Inimigo; que seja um lugar seguro; guiado por princípios Bíblicos, valores éticos e morais.

Deus, por favor derrame:
·         Luz para substituir a escuridão...
·         Graça para substituir o medo, o julgamento e a amargura...
·         Paz para substituir a raiva, o orgulho, o desespero e o egoísmo …
·         Esperança para substituir a falta de esperança, a depressão, o auto dano, o vício …
·         Compaixão para substituir a rejeição, solidão, fofocas e bullying...
·         União para substituir a divisão, o ódio, a incompreensão
Outros…

Pelas Mães Unidas em Oração Internacional - Brasil
• Que as mães convoquem outras mães a orarem pelos seus filhos e suas escolas.
• Que Deus mantenha nosso Ministério puro, imaculado, unido  e consagrado a Ele e a Sua Palavra.
• Para que outras mães sem comprometam a formar seus PGOs - Pequenos Grupos de Oração de Mães Unidas em Oração Internacional
• Para que cada PGO – Pequeno Grupo de Oração  se reúna, regularmente, em todas as regiões do Brasil.
• Para que cada escola, em seu bairro, em cada estado da nossa nação, tenha um PGO orando, fiel e regularmente, pelos filhos e pelas escolas.
• Que Deus proteja nossa Coordenadora Nacional Jane Esther Monteiro de Souza de Paula Rosa e, todas as demais mães que trabalham com ela para que compartilhem o poder de oração com outras mães em todo o Brasil para que um dia, todos os centros educacionais, sejam cobertos pela oração.


Por MIPI - Moms In Prayer International
• Que Deus mantenha nosso ministério com pureza e sem defeito, dedicado a Ele e a Sua Palavra.
• Que Deus proteja a fundadora do Ministério Fern Nichols, a presidente mundial Sally Burke,  a Coordenadora Global dos campos Cathi Armitage, a Coordenadora de tradução dos Livros para os países, kathryn coffelt e todos os que trabalham com ela para compartilhar poder de oração com outras mães em todo o mundo para que um dia todos os centros educacionais sejam cobertos pela oração.
• Que as mulheres de todo o mundo transbordem de esperança pelo poder do Espírito Santo e que suas vidas impactem seus filhos e as escolas adotadas em oração!
Referências bíblicas:  Números 27:16-17 “Que o Senhor Deus, que dá vida a todos, indique alguém que possa guiar esta comunidade, que venha e vá perante eles, que os lidere, para que não sejam como ovelhas que não têm pastor.”
Abra o terreno não cultivado em todo o mundo e cubra cada escola em oração:  Oséias 10:12 “Preparem os campos para a lavoura, semeiem a justiça e colham as bênçãos que o amor produzirá. Pois já é tempo de vocês se voltarem para mim, o Senhor, e eu farei chover sobre vocês a chuva da salvação.
Provisão de todas as necessidades.”
Filipenses 4:19 “E o meu Deus, de acordo com as gloriosas riquezas que ele tem para oferecer por meio de Cristo Jesus, lhes dará tudo o que vocês precisam.”
Benção: Isaias 55:10-11 e Judas 24-25

JEJUM: Os 4 períodos para o jejum são:
24h
12h
6h
3h
Obs.: Devido a mães que tem problemas de saúde, os períodos serão de acordo com a possibilidade de cada uma. Ou seja, cada uma escolhe o período que for possível.



ORAÇÃO: Os períodos serão de 5 em 5 minutos:
00:00
00:05
00:10
00:15
00:20
00:25
00:30
e, assim sucessivamente até 23:55.



Obs.: A cada 5 minutos haverá uma mãe orando no Brasil. Poderá ser escolhido mais de um período de 5 minutos.

Fica a critério da mãe a escolha dos períodos e horários alternados... Poderá ter várias mães orando nos mesmos horários.

Estamos enviando para todas as Mães Unidas em Oração Internacional - Brasil as diretrizes do DIA MUNDIAL DE ORAÇÃO E JEJUM

Colocar o nome dos períodos escolhidos.

Junte-se a Moms In Prayer em todo o mundo em um dia de jejum e oração pelos filhos e escolas ao redor do mundo. Unir em conjunto, utilizando uma a nossa folha global de oração, adorando/louvando, confessando, agradecendo e intercedendo com uma voz poderosa que a próxima geração em todos os continentes viria a conhecer e adorar e seguir o Senhor Jesus Cristo com devoção de todo o coração. Imagine-vozes levantadas ao longo de um período de 24 horas em todo o mundo … clamando para os mesmas grandes necessidades!

Jejuar e orar sozinha, sabendo que estamos nos unindo a nossa voz com milhares de vozes em um acordo de oração mundial.

O Jejum é um sacrifício... É desistir de algo precioso, porque o seu coração anseia por algo mais precioso. Nesse caso, que nossos filhos conheçam o Deus vivo.

(Tradução: Jane Esther Monteiro de Souza de Paula Rosa)

Mães Unidas em Oração, filhos protegidos.
Todo filho precisa de uma mãe que ora.
Você já orou pelo seu filho hoje?

Site Internacional: momsinprayer.org
contato@maesunidasemoracao.org 
WhatsApp: 21 99212-0548


(Editora do Blog: Jane Esther Monteiro de Souza de Paula Rosa) 

IMPORTANTE: Para fazer parte do Ministério e receber todas as informações, é só fazer sua inscrição online em nosso link: http://maesunidasemoracao.org/inscricaonline.html

Não deixe nenhum espaço em branco. Caso não tenha como preencher coloque ”xxxx”.