Ministério Internacional de Mães Unidas em Oração

Ministério Internacional de Mães Unidas em Oração
O Ministério Moms In Prayer International, anteriormente conhecido como Moms In Touch / Mães em Contato, chama-se, atualmente, Mães Unidas em Oração no Brasil. Começou em 1984, em Bristish Columbia, Canadá com Fern Nichols. Atualmente o Ministério está em quase 150 países. É um ministério de oração em favor dos nossos filhos (biológicos, adotivos e espirituais), os colegas deles, suas escolas, professores e diretores para que sejam guiados por altos valores bíblicos e morais e, assim, cobrir todas as escolas do mundo com uma rede de proteção espiritual através da oração. A base do Ministério são as escolas de nossos filhos. (Educação Infantil até a Universidade)

terça-feira, 16 de setembro de 2014

UMA MENSAGEM PARA AS MÃES

TESTEMUNHO

"Desejo compartilhar com as mães o testemunho de dois fatos que ocorreram comigo e meu filho.

1º Fato: Sempre que meu filho sai sem a companhia de alguém conhecido de confiança, peço a Deus que o guarde e que o traga de volta em segurança (creio que seja um pedido comum de toda mãe).
Em um domingo à tarde e meu filho veio me pedir para ir à igreja de um colega da escola, disse que era congresso dos adolescentes e que gostaria muito de ir, meio desconfiada, deixei que fosse.
Fui à igreja e no caminho de volta, voltei caminhando junto com meu esposo, e quando passei em frente a uma boate, que foi criada exclusivamente para adolescentes, ouvi a voz de Deus claramente dizer: "Seu filho está lá dentro."
Quando cheguei em casa disse para meu marido que iria buscar meu filho, ele disse que eu estava louca, que fico ouvindo coisas. Não dei confiança ao que ele disse e fui para frente da boate e fiquei entre a multidão que estava do lado de fora (era uma cena impressionante, só havia adolescentes).
Quando os seguranças abriram as portas meu filho foi o primeiro a sair, fui até ele e falei para ele ir andando na minha frente. Ficou quieto ouvindo tudo o que eu falava, mas com cara de quem não estava nem aí. Ele não demonstrou estar preocupado com o que aconteceu.
Quando cheguei em casa meu esposo perguntou aonde que ele estava, eu respondi, que ele estava aonde Deus tinha me dito que estava. Ele ficou quieto me olhando com olhos arregalados.

2º Fato: Outro dia cheguei em casa do trabalho e meu filho não estava. Meu esposo disse que ele estava no aniversário de um amigo da escola. 
Quando deu uma certa hora meu coração ficou extremamente angustiado, fiquei muito inquieta. Então liguei para o celular dele, ele não atendia, insisti por várias vezes, até que em um momento a chamada foi aceita, mas não foi ele que atendeu, pois o celular estava no bolso e conectado ao fone de ouvido. Foi de Deus, pois eu ouvia tudo o que se passava, mas ele não me ouvia, porque o fone não estava em seu ouvido. Então pude ouvir a conversa do grupo em que ele estava e ouvi claramente a hora em que ofereceram maconha ao meu filho, eu pelo telefone não podia fazer nada a não ser orar naquele momento. Meu coração estava tão aflito que não me lembro as palavras que usei na oração, a única coisa que sei é que Deus me ouviu e trouxe meu filho para casa.
Quando ele chegou eu o confrontei e ele falou tudo o que tinha acontecido, choramos e oramos juntos e então pude orientá-lo.

As vezes dizemos que confiamos no Senhor e por isso entregamos os passos de nossos filhos a Ele, mas não temos a dimensão o quanto Deus pode fazer realmente.
Essa faixa etária tem uma facilidade muito grande de ser induzida. Se Deus não tivesse me mostrado essas situações para que eu pudesse repreendê-lo, meu filho poderia ter tomado outros rumos que seriam difíceis de retorno.
Eu louvo a Deus pelo seu cuidado nas pequenas e nas grandes coisas."


(Os nomes foram omitidos a pedido da Mãe Unida em Oração)


Nenhum comentário:

Postar um comentário